Volkswagen T-Cross é o SUV mais barato e chega com três revisões grátis

0
1295

O Volkswagen T-Cross chega ao mercado com dois importantes reconhecimentos de qualidade: é o SUV com menor custo de reparo do mercado brasileiro e tem as três primeiras revisões “de série” (gratuitas) para todas as versões.

O modelo obteve classificação 13 no recém-publicado ranking Car Group, do CESVI Brasil (Centro de Experimentação e Segurança Viária) – é o melhor índice de reparabilidade em sua categoria

A classificação do T-Cross é quase três vezes melhor do que a do segundo colocado. Quanto menor a pontuação (em uma escala que vai de 10 a 60), menor será o tempo e o custo de reparo do veículo.

O índice do CAR Group também tem influência no cálculo da tarifa do seguro. Isso ocorre porque as seguradoras calculam os preços das apólices com base, entre outros fatores, nos resultados dos testes de impacto de baixa velocidade (a 15 km/h) realizados pelo CESVI Brasil.

“A Volkswagen tem o compromisso de oferecer cada vez mais veículos com excelente relação custo-benefício e valores reduzidos de reparo”, afirma o diretor de Pós-Vendas da Volkswagen do Brasil, Daniel Morroni. “Esse é um benefício direto para o consumidor, que terá a confiança no baixo custo de reparo e de revisões, além de longo período de garantia”, conclui Morroni. Todos os modelos Volkswagen possuem três anos de garantia para o veículo completo.

Revisões de série – Outro diferencial importante do T-Cross: o modelo tem as três primeiras revisões (10.000 km, 20.000 km e 30.000 km) gratuitas para todas as versões (200 TSI, 200 TSI Automático, Comfortline 200 TSI Automático e Highline 250 TSI Automático).

Isso representa uma expressiva vantagem em custo de manutenção para o cliente Volkswagen. A média de custo no segmento para as três primeiras revisões é de R$ 1.665 (com base nos dados fornecidos pelas próprias fabricantes, em janeiro de 2019). As três revisões incluem peças (itens substituídos e verificados conforme tabela no site Volkswagen) e mão de obra.

Com isso, o plano de manutenção do T-Cross até os 60.000 km é 53% mais barato que a média dos concorrentes.

O T-Cross também tem o menor custo de propriedade do segmento (é 9% mais em conta do que a média). No cálculo são projetados em quatro anos os custos do veículo com consumo de combustível, itens de desgaste, taxas de licenciamento e IPVA, além de seguro e manutenção.

E sua cesta de peças é 3% mais barata que a média. Nesse quesito são contemplados 50 itens, entre peças como amortecedores, filtros, velas, rolamentos e correias, entre outros.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui