Tiago Bardal foi homenageado por contribuir para Flávio Dino ser “melhor governador do Brasil”

0
1785

O delegado Tiago  Bardal, ex-superintendente especial de Investigações Criminais, foi um dos servidores homenageados pelo governador Flávio Dino (PCdoB), dia 22 de janeiro, como um dos que teriam contribuído para que fosse eleito o “melhor governador do Brasil”, com base em levantamento do Portal G 1. A premiação, conforme notícia disponível no site do Governo do Estado – www.ma.gov.br – “homenageou servidores envolvidos diretamente em ações e programas que têm ajudado na transformação do Estado”.

De acordo com a postagem, “a premiação foi realizada na segunda-feira (22), no Auditório do Palácio Henrique de La Roque, quando o governador Flávio Dino homenageou os representantes de milhares de servidores que participaram diretamente do cumprimento das propostas”.

O prêmio, ainda de acordo com o site do Governo, “é uma forma de dividir com os servidores estaduais o 1º lugar alcançado pelo governador Flávio Dino no ranking de governadores que mais cumpriram compromissos de campanha, de acordo com critérios pelo portal de notícias G1.

Bardal foi afastado de suas funções, pelo secretário Jefferson Portela, nesta quinta-feira (22), após a polícia desbaratar uma quadrilha responsável por contrabando de cargas, drogas e armas. Ele perdeu a confiança do secretário porque estaria a poucos quilômetros do local onde haveria a operação em horário considerado suspeito, por volta das 23h, sem estar envolvido naquela investigação ou executando qualquer outra atividade policial.

Combate ao crime – Ao receber sua comenda das mãos do governador, o delegado destacou: “Estou aqui no Maranhão como delegado de polícia desde 2008, quando fui coordenador do grupo de inteligência de Imperatriz por cinco anos e meio. Depois em São Luís, na Seic, trabalhei no enfrentamento ao roubo a banco por um ano, fui superintendente da Senarc e estou há quase três anos na superintendência da Seic”.

Ele mencionou ainda as principais atividades que o levaram a esse reconhecimento: “Entre os destaques da Seic, neste tempo em que estamos aqui, temos a redução dos ataques a bancos, das explosões de caixas eletrônicos, de roubos a carga. Nós já conseguimos realizar treinamento com os policiais, adquirir novos armamentos e viaturas, o que interferiu diretamente na redução de aproximadamente 75% nos casos de roubo a banco, comparando 2017 com 2014”, destaca o servidor premiado.

Outro destaque da trajetória do servidor é a determinação: “A dedicação do combate ao crime é em tempo integral. O policial que trabalha na Seic, seja delegado, escrivão ou investigador, está à disposição do serviço 24 horas por dia. Porque nós trabalhamos no combate a roubo a banco, crime organizado, não temos dia nem hora”, explica o delegado.

Parceria – Entre os pontos importantes para a redução dos índices de criminalidade, estão os investimentos feitos pelo Governo do Estado e pela nova fase de união de todas as forças envolvidas.

“Esse prêmio é uma gratificação que não é só minha, não só da SEIC, mas também de todos os policiais que fazem parte dessa luta. Incluo também os policiais militares, porque sem essa integração das polícias com outros órgãos num estado muito extenso, não seria possível chegar a esses números positivos”, finaliza Bardal.

Leia a reportagem oficial na íntegra aqui.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui