Bragantino mantém boa fase e se mantém na liderança da Série B ao derrotar Ponte Preta

0
71

O Bragantino evitou, nesta terça-feira (23), ser ultrapassado pelo Paraná e manteve a ponta da Série B. Pressionado pela quinta vitória consecutiva do tricolor paranaense, o time paulista respondeu de forma imediata e defendeu a liderança ao vencer a Ponte Preta por 2 a 1 em Bragança Paulista (SP).  O resultado deixa o Bragantino na liderança com 23 pontos. Com 19, a Ponte Preta caiu para a quinta posição.

No Nabi Abi Chedid, o Bragatino levou a melhor no duelo de líderes. Após serem ultrapassados pelo Paraná, apenas a vitória interessava para as equipes fecharem a 11ª rodada na ponta da Série B. Com gol de Edson, aos 40 minutos do primeiro tempo, a Ponte foi para o intervalo em vantagem. Na etapa final, os donos da casa reagiram e viraram a partida com gols de Ytalo e Morato.

Outros resultados:

  • Paraná vence o Figueirense por 1 a 0 no Orlando ScarpelliO Paraná assumiu a vice-liderança da competição ao bater o Figueirense por 1 a 0 e emendar a quinta vitória consecutiva. No Orlando Scarpelli, as redes balançaram no segundo tempo. Aos 29 minutos, João Pedro converteu a cobrança de pênalti e decretou a vitória do Paraná. O Tricolor assumiu a vice-liderança com 22 pontos ao emendar a quinta vitória consecutiva.
  • Pelo mesmo placar, o Cuiabá levou a melhor e superou o Guarani em Campinas (SP) e em Curitiba (PR). No Brinco de Ouro, o gol da vitória do Cuiabá saiu no segundo tempo. Aos 26 minutos, Rincon completou o cruzamento rasteiro de Paulinho e decretou o triunfo dos visitantes. Com o resultado, o Dourado alcançou a 10ª posição com 15 pontos. Já o Guarani segue na zona de rebaixamento com seis pontos.
  • O Coritiba superou o Vila Nova de Goiás e segue firme na briga pelo acesso. No Couto Pereira, o Coritiba foi para o intervalo com a vitória parcial de 1 a 0. Aos 37 minutos, Rodrigão mostrou oportunismo e pegou a sobra dentro da área para abrir o marcador. A vantagem alviverde foi ampliada no início da etapa final. Aos seis minutos, Thiago Lopes recebeu lançamento em profundidade e deu números finais ao jogo, 2 a 0. Com o segundo triunfo consecutivo na competição, o Coxa chegou a 18 pontos e segue firme na luta pelo acesso.
  • Em Sorocaba (SP), o duelo entre São Bento e Operário do Paraná terminou empatado em 1 a 1. No estádio Walter Ribeiro, o time paranaense saiu na frente com Lucas Gaúcho aos 14 minutos. A resposta do São Bento veio antes do intervalo e, aos 39, Doriva arriscou de fora da área para deixar tudo igual, 1 a 1. Com a igualdade, o time paulista desperdiçou a chance de sair do Z-4 e segue na 17ª posição, agora com nove pontos. A equipe paranaense soma 14 pontos.
  • Quem assumiu a terceira colocação foi o Botafogo de Ribeirão Preto (SP). De virada, superou o Atlético de Goiás, no estádio Antônio Acciolly. O Dragão saiu na frente com Matheuzinho, mas Henan marcou duas vezes e decretou a vitória para os visitantes, que chegaram a 20 pontos. Com 18, o Atlético-GO caiu para a sexta posição.
  • Londrina supera o Vitória por 3 a 1 no estádio Do CaféO Londrina está de volta ao G-4 da Série B ao dar fim ao fim ao jejum de três jogos sem vencer e superar o Vitória por 3 a 1, no estádio do Café, em Londrina (PR), e segue na cola dos líderes. Em Maceió (AL), o CRB também fez valer o fator casa e bateu o Criciúma por 2 a 0 e no outro duelo iniciado às 21h30, América de Minas e Oeste ficaram zerados em Belo Horizonte.
  • No Rei Pelé, o CRB construiu a vitória no segundo tempo. Aos 28 minutos, Alisson Farias abriu o placar para mandantes. Aos 35, Willie deixou o dele e deu números finais ao duelo. Fim de jogo: 2 a 0. Com o resultado, o time alagoano chegou a 16 pontos e segue de olho no G-4. Com 12, o Tigre ocupa a 15ª posição.
  • No Independência, em Belo Horizonte (MG), América e Oeste não balançaram as redes do Independência durante os noventa minutos e o placar terminou zerado. Com o empate sem gols, o Coelho chega a sete pontos, deixa a lanterna, mas segue na zona de rebaixamento. Já o time paulista acumula 13 pontos.

(Com informações da CBF)

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui