Correndo da inelegibilidade, Maia e Eunício acompanham Temer ao Paraguai

0
41

O presidente Michel Temer vai ao Paraguai na próxima quinta-feira (15) acompanhado dos presidentes da Câmara, Rodrigo Maia, e do Senado, Eunício Oliveira, onde participa da cerimônia de posse do novo dirigente do país, Mario Abdo Benítez. Temer convidou os presidentes das duas Casas para acompanhá-lo e a previsão é que embarquem juntos no mesmo voo, com isso ficam impedidos de substituí-lo e se tornarem inelegíveis.

Pela quinta vez, a presidente do Supremo Tribunal Federal, ministra Cármen Lúcia, vai assumir interinamente o comando do país.

Nas últimas vezes que Temer deixou o Brasil para viagens oficiais, Maia e Eunício também tiveram que se ausentar. Com a legislação atual, os dois parlamentares têm que deixar o Brasil para não assumirem a Presidência na ausência do titular e, com isso, se tornarem inelegíveis para as eleições de outubro, porque descumpririam o prazo de desincompatibilização.

O Brasil foi o destino da primeira viagem de Mario Abdo Benítez ao exterior após a eleição. Em junho, ele foi recebido por Temer e os dois conversaram sobre a construção de pontes entre o Paraguai e o Brasil e a cooperação para o combate ao crime organizado, narcotráfico e lavagem de dinheiro.
LINK:

As eleições no Paraguai ocorreram em 22 de abril, quando Mario Abdo obteve 46,49% dos votos, e o segundo colocado, Efraín Alegre, conquistou 42,73%. A diferença foi de pouco mais de 95 mil votos.

(Agência Brasil)

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui