Líderes da Coreia do Norte e Rússia participam de primeira reunião de cúpula

0
338

O líder norte-coreano Kim Jong-un vai participar de sua primeira cúpula com o presidente russo, Vladimir Putin, nesta quinta-feira (25). Utilizando-se de um trem especial, Kim chegou a Vladivostok, no extremo oriente da Rússia, onde foi recebido por uma orquestra militar nessa quarta-feira.

É muito provável que o tema da desnuclearização da Península Coreana esteja incluído na agenda.

Apesar de se mostrar preparado para participar de uma terceira rodada de negociações com o presidente dos Estados Unidos (EUA), Donald Trump, Kim afirmou que a insistência de Trump em manter as sanções até que a Coreia do Norte se desnuclearize completamente é um posicionamento unilateral. Kim parece estar interessado em conseguir o apoio da Rússia para convencer os EUA a aliviarem as sanções, já que Putin disse que compreende a situação norte-coreana.

Acredita-se que Putin queira desenvolver relações com a Coreia do Norte para aumentar o envolvimento da Rússia na Península Coreana.

ILN01. VLADIVOSTOK (RUSIA), 12/09/2018.- El presidente ruso Vladimir Putin asiste a una reunión con su homólogo de Mongolia Khaltmaagiin Battulga (fuera de cuadro) en el marco del Foro Económico Oriental en Vladivostok (Rusia) hoy, miércoles 12

Negociação – Uma autoridade russa de alto escalão disse à TV NHK que o presidente da Rússia, Vladimir Putin, pretende propor a retomada de negociações, entre seis partes, do programa nuclear de Pyongyang quando se encontrar, nesta quinta-feira (25) com o líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un.

Putin e Kim terão sua primeira cúpula em Vladivostok. Kim deve chegar hoje, de trem, à cidade, que fica no extremo oriente russo. A cúpula provavelmente vai abordar uma ampla variedade de temas, incluindo a desnuclearização da Península Coreana e a cooperação econômica bilateral.

As negociações entre as seis partes eram presididas pela China e começaram em 2003. Os outros participantes eram os Estados Unidos (EUA), a Coreia do Norte, o Japão, a Coreia do Sul e Rússia. Entretanto, o impasse entre os EUA e a Coreia do Norte se intensificou cada vez mais sobre como verificar o comprometimento de Pyongyang em desmantelar seu programa nuclear. As negociações estão interrompidas desde dezembro de 2008.

Putin tem dito que a questão nuclear norte-coreana deveria ser debatida pelo mecanismo composto pelas seis partes. Acredita-se que Putin está tentando ampliar o envolvimento russo na questão.

(Agência Brasil com informações da NHK, emissora pública de televisão do Japão)

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui