Lutando contra o rebaixamento, Chapecoense apenas empata com o Grêmio

0
315

Grêmio e Chapecoense não passaram de um empate nesta segunda-feira (05), em jogo que fechou a 13ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro (Athletico X São Paulo foi adiado). Pedro Geromel, Everton Cebolinha e Diego Tardelli fizeram pelos mandantes, enquanto Everaldo, Gustavo Campanharo e Arthur Gomes balançaram as redes pela Chapecoense. 

O Grêmio fez valer o mando de campo e o apoio da torcida nos primeiros minutos de jogo e foi para cima. Logo aos quatro minutos, a primeira chance do Tricolor. Everton Cebolinha recebeu passe de Maicon, carregou e, de fora da área, acertou um belo chute, obrigando Tiepo a fazer grande defesa. No entanto, aos oito, após cobrança de escanteio, o zagueiro Pedro Geromel subiu mais do que a zaga da Chapecoense e abriu o placar.

Apesar de sair atrás no placar, o Verdão do Oeste não se abateu e empatou três minutos depois. Everaldo recebeu na entrada da área, driblou Kannemann e Geromel e emendou um forte chute para o fundo do gol defendido por Paulo Victor: 1 a 1.  

Com o empate, a Chapecoense cresceu no jogo e diminuiu o ritmo dos gaúchos. Mas aos 25 minutos, Everton Cebolinha decidiu testar novamente o goleiro Tiepo. Em novo chute de fora da área, dessa vez o camisa 1 da Chape foi enganado pelo quique da bola e deixou passar por baixo do corpo, colocando o Grêmio na frente novamente.

Aos 33 minutos, porém, os visitantes voltaram a igualar o marcador. Camilo cobrou escanteio pela direita, na cabeça de Gustavo Campanharo, que fez o segundo da Chapecoense.   

O segundo tempo começou com o Grêmio em cima mais uma vez. Mas na etapa final, foi a Chapecoense quem chegou ao gol nos primeiros minutos. Aos 15, Augusto fez bom cruzamento para Arthur Gomes, que se antecipou à zaga tricolor e só tocou para o gol. A bola chegou a resvalar na trave direita de Paulo Victor antes de morrer no fundo das redes. Em desvantagem, o Tricolor Gaúcho voltou a pressionar com a entrada de Diego Tardelli no jogo. Aos 31, o atacante, de cabeça, obrigou o goleiro Tiepo fazer um milagre. Mas aos 35, de novo pelo alto e após falta cobrada por Luan, o camisa 9 não perdoou, fazendo o terceiro do Grêmio e deixando tudo igual novamente na Arena. 

Em busca dos três pontos, o Grêmio foi com tudo. Everton Cebolinha fez grande jogada pela esquerda, chuta de fora da área e carimba o travessão da Chapecoense aos 38 minutos. Apesar da pressão, o Grêmio não conseguiu marcar o quarto gol, e a partida terminou empatada em 3 a 3. 

Com o resultado, o Grêmio chegou aos 17 pontos conquistados, ocupando a 13ª posição. Já a Chapecoense foi para 10 pontos, subindo para a 17ª colocação, a primeira dentro da zona de rebaixamento. 

(Com informações da CBF e foto de Pedro Tesch/AGIF)

Compartilhe
Aquiles Emir
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação