“Nunca cravei um espinho no coração de alguém”, diz José Sarney ao comemorar 89 anos

0
1235

AQUILES EMIR

Num breve depoimento ao programa Ponto Final, ancorado por Roberto Fernandes na Mirante AM, na manhã desta quarta-feira (24), data em que comemorou seus 89 anos, o ex-senador e ex-presidente José Sarney, disse que é muito agradecido a Deus por ter vivido tanto tempo, e brincou dizendo que ao ser indagado sobre a idade diz que está com 50 mais 39 anos.

Ele observou ainda que ao longo de sua carreira política, sempre procurou manter boa convivência até com os adversários, e garante que ao longo desses anos em que militou na vida pública “nunca cravei um espinho no coração de alguém”.

Sarney disse que Deus foi tão generoso com ele, que lhe proporcionou nascer no Brasil, mais precisamente no Maranhão, e ter aberto os seus olhos para o Mundo em Pinheiro, na Baixada Maranhense, “onde se pode ver toda a extensão da beleza dos verdes campos que rodeiam a cidade”.

Para ele, foi muita generosidade de Deus ter lhe proporcionado também a oportunidade de governar o Maranhão, ter sido presidente da República e senador da República, cargos que lhe deram a chance de “fazer muitas coisas boas” pelos brasileiros e em especial pelos maranhenses.

Política – Ao fazer uma análise sobre o momento político, o ex-presidente disse que os tempos mudaram e recordou que antes os representantes do povo ou os governantes eram escolhidos entre aqueles mais inteligentes, mais cultos e probos, enquanto hoje em dia os preferidos são os que sabem manusear melhor as redes sociais.

Ele também lamentou a criminalização da política, lembrando que só através dela é que as coisas são realizadas, portanto deve ser sempre valorizada.

O ex-presidente evitou fazer comentários sobre pessoas que ocupam cargos políticos na atualidade, dizendo que não pode ser pessimista com o Brasil nem com o Maranhão. “Eu só tem olhos para o futuro”, disse acrescentando que não anda com o olhar no espelho retrovisor, tampouco é timoneiro de uma embarcação com farol da popa.

José Sarney comemorou o aniversário em Brasília, onde mora atualmente. Desde as primeiras horas da manhã, disse que recebeu telefonemas e visitas de amigos, dos parentes, o que teria lhe deixado muito emocionado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui