Para Flávio Dino, trecho duplicado da BR 135 é uma conquista para o Maranhão

0
170

O governador Flávio Dino (PCdoB), ao participar nesta quinta-feira (11) da solenidade  de entrega de mais 11 quilômetros de duplicação e requalificação da BR-135, classificou a obra como mais uma conquista do Maranhão. Com a liberação, fica concluída a duplicação de todo o Lote 1, que mede 26 quilômetros.

A obra faz parte do programa Agora é Avançar, do Governo Federal. Também estiveram na cerimônia o ministro dos Transportes, Portos e Aviação, Maurício Quintella; o ministro-chefe da Secretaria Geral da Presidência da República, Moreira Franco; e o ministro do Meio Ambiente, José Sarney Filho; além de senadores (João Alberto e Edison Lobão, ambos do PMDB), deputados federais e estaduais e representantes municipais.

“É uma obra importante pela dimensão social, econômica e salvação de vidas”, disse o governador Flávio Dino.

Ainda de acordo com o governador, “temos aqui o fruto dessa união entre a ação do Governo Federal e do Governo do Estado, da bancada federal e dos municípios, mostrando que quando há união os resultados aparecem”. A bancada maranhense no Congresso Nacional se empenho para destinar verbas para a conclusão do trecho da BR-135.

O governador Flávio Dino esteve em Brasília com o ministro Maurício Quintella assim que este assumiu o cargo, em 2016. Em pauta, a conclusão da duplicação da BR-135, que foi também tratada em outras 21 audiências realizadas entre o ministro e bancada federal maranhense.

Quintella afirmou que “a duplicação foi priorizada pelo governo federal e é uma das principais obras rodoviárias do Maranhão e do Brasil. Vamos reduzir acidentes e dar mais segurança aos motoristas. A rodovia liga a região produtora de Matobipa [Maranhão, Tocantins, Piuaí e Bahia] ao Porto do Itaqui. A duplicação também vai baratear o frete”.

Rodovia estratégica – Pela rodovia passam mais de 25 mil veículos por dia. A obra vai beneficiar diretamente mais de 1,5 milhão de pessoas na região metropolitana de São Luís. A BR-135 tem mais de 600 quilômetros e é o único acesso rodoviário à capital maranhense. Ela também representa a principal ligação com o Porto do Itaqui, que em 2017 movimentou quase 18 milhões de toneladas de grãos.

“Com a liberação desse trecho, entregamos ao povo maranhense 26 km do seu principal corredor rodoviário totalmente duplicado e que, com certeza, irá salvar vidas, reduzir acidentes e melhorar a trafegabilidade na região metropolitana de São Luís”, acrescentou o ministro dos Transportes.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui