Rota das Emoções é um dos destinos preferidos para fugir da folia no Carnaval

0
178

Carnaval é uma das maiores festas populares do mundo, mas nem todos gostam de aproveitar os dias de folia nos tradicionais blocos, trios elétricos e sambódromos espalhados pelo país. Segundo levantamento do site Booking.com (um dos mais especializados em oferta de hospedagem), mais da metade dos brasileiros que irão viajar no período carnavalesco optaram por deixar os tradicionais destinos ligados à festa de lado e buscar sossego em outros lugares, como é o caso da Rota das Emoções.

É o caso da assistente social Mariana Matos. Para ela, o Carnaval é o período escolhido para meditar e relaxar. “Em tempos de rotina acelerada e sem tempo para pausas, aproveito o período para recolhimento. Acho interessante o espírito de alegria que contamina os foliões nessa época, mas prefiro a calmaria. Sempre vou ao Solo Sagrado de Guarapiranga, em São Paulo, em busca de paz, fé e equilíbrio. É o momento em que reservo para conectar-me comigo mesma e com minha espiritualidade”, explica.

Assim como Mariana, outros brasileiros irão descansar ao invés de pular Carnaval. Se você é um deles, a Agência de Notícias do Turismo selecionou alguns destinos no país para os que pretendem fugir dos grandes centros.

Confira alguns dos destinos mais procurados para fugir da folia:

05.02.2019_Delta_Parnaíba.jpgDelta das Américas – Se sua intenção é descansar à luz do sol, vendo as belezas naturais do país, o Delta do Parnaíba, localizado no Piauí, é uma ótima dica. Único delta em mar aberto das Américas e o terceiro maior do mundo – atrás apenas dos rios Mekong (Vietnã) e Nilo (África) -, o Delta é um arquipélago de 2.700 quilômetros quadrados formado por mais de 70 ilhas. Juntamente com Jericoacoara (CE) e os Lençóis Maranhenses (MA), faz parte da Rota das Emoções, um roteiro integrado que, como diz o nome, é pura adrenalina.

  • Timbó (SC) – A natureza e os esportes de aventura serão o mote da festa em Timbó (SC). O “Carnaval Aventura”, que este ano está com o tema “Sai da tela e vem viver”, fornecerá atrações para toda a família. Entre os pontos altos está a realização da famosa corrida de obstáculos “Kong Race”, que ocorre em um dos principais pontos da cidade, o Jardim Botânico. Ao todo, os competidores poderão curtir a folia nos 5 km de trilhas com obstáculos que a aventura oferece. Além disso, o local terá exposições fotográficas, workshop sobre grafite e a confecção de um grande painel com a arte dos participantes.
  • Brasília (DF) – Para os que buscam aproveitar o período para se conectar com a religião, Brasília (DF) realiza, anualmente, o “Rebanhão”. Com entrada gratuita, o evento recebe por volta de 10 a 15 mil pessoas durante os dias de celebração. Missas, shows musicais, pregações, palestras e apresentações de teatro e dança são as opções que os fiéis podem encontrar no feriadão na capital do país.
  • Diamantina (MG) – Agora, se a ideia é descobrir os sabores do Brasil, vale dar uma passada na histórica Diamantina, em Minas Gerais. A cidade mineira promoverá a segunda edição do “Gastro Folia”, evento que reúne bares, restaurantes, lanchonetes, padarias e similares. A festa tem o objetivo de valorizar a cultura gastronômica da cidade, estimular o fluxo turístico, além de incentivar economicamente o setor de alimentos, que apresentará pratos diferenciados e tematizados para os foliões durante o Carnaval.
  • Óbidos (PA) – Os turistas também podem conhecer um pouco mais da história e cultura das cidades brasileiras. Em Óbidos, no Pará, anualmente é realizado o Carnapauxis. A festa é Patrimônio Cultural do estado e fala sobre os primeiros habitantes da cidade, os índios Pauxis. Além disso, o município paraense oferta diversos pontos históricos, como a Fortaleza Pauxis, território construído para proteger o território conquistado por Portugal, e a Serra da Escama, que fez parte do plano de defesa nacional do final do Século XIX.

Aventura – Independentemente de sol, praia, ecoturismo, turismo religioso, gastronômico ou de aventura, uma coisa é certa: vale a pena conhecer um pouco mais do país neste feriadão. Dados da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) apontam que a movimentação turística nos destinos brasileiros deve movimentar R$ 8 bilhões e gerar mais de 25 mil postos de trabalho temporário. O valor é o maior desde 2015, quando foram registrados R$ 9,07 bilhões durante a festa.

Compartilhe
Aquiles Emir
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui