Homenageado na Câmara, Luís Roberto Barroso diz que combate informações falsas nas redes sociais

0
127

Ministro do STF e presidente do TSE foi premiado na categoria governamental

A Câmara dos Deputados realizou sessão solene nesta terça-feira (07) para a entrega do Prêmio Transparência e Fiscalização Pública – Edição 2021, promovido pela Mesa Diretora e pela Comissão de Fiscalização Financeira e Controle. Um dos homenageados foi o ministro do Supremo Tribunal Federal Luís Roberto Barroso, presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que ganhou na categoria governamental.

Barroso destacou que tem atuado para combater as informações falsas nas redes sociais. Ele lembrou que quase 80% dos brasileiros dizem que se informam pelas redes, o que tem eliminado o filtro antes feito pela imprensa profissional.

“Infelizmente, com essa ausência de filtro, as mídias sociais também se tornaram um espaço para a prática de crimes. Terrorismo, pedofilia, ódio racial. Um espaço para a difusão de informações falsas e ataques à democracia, e um espaço para comportamentos inautênticos”, disse.

O 1º vice-presidente da Câmara, deputado Marcelo Ramos (PL-AM), disse que os valores civilizatórios devem prevalecer e que acredita no diálogo como instrumento fundamental da democracia.

“Talvez, o que me marque nesta Casa seja o fato e a capacidade de conviver com a diferença. Às vezes, um colega consegue mudar minha opinião, às vezes eu consigo mudar a opinião de um colega. Às vezes nós não conseguimos fazer isso, mas conseguimos continuar convivendo, dialogando, aprendendo, amadurecendo e encontrando caminhos de moderação, que é onde está o futuro de prosperidade”, afirmou

O prêmio Transparência e Fiscalização Pública é concedido anualmente, há mais de 15 anos, a entidades que se destacam pela inovação e eficiência na transparência da gestão administrativa, patrimonial e financeira dos recursos públicos.

Na categoria sociedade civil, o presidente da Comissão de Fiscalização Financeira e Controle, deputado Aureo Ribeiro (Solidariedade-RJ), anunciou o prêmio para a experiência do Observatório Covid-19 BR, coletivo que tem sido importante na divulgação independente de informações baseadas em dados e análises científicas sobre a pandemia.

A epidemiologista Maria Amélia Veras, integrante do observatório, disse que ainda precisam ser melhoradas algumas informações públicas sobre a pandemia como os dados sobre testes e testagens feitas.

A homenagem póstuma foi feita ao jornalista Cláudio Weber Abramo, por sua atuação na luta pela transparência da gestão pública na ONG Transparência Brasil.

(Agência Câmara de Notícias)

Compartilhe
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação