Flávio Dino diz que construirá hospital de emergência em São Luís

0
803

A construção de um hospital de emergência em São Luís, criação de um campus da Uema Sul em Estreito e melhoria dos de Imperatriz e Açailândia, construção do campus da Uema em São Bento e reforçar mais ainda os serviços de Educação e Segurança Pública foram algumas das promessas para 2018 apresentadas pelo governador Flávio Dino nesta segunda-feira (05) na abertura do ano legislativo na Assembleia Legislativa. Ele apresentou também uma resumo das conquistas dos últimos três anos de seu governo.

De acordo com o governador, o seu governo investiu cerca de R$ 2,6 bilhões e a previsão para este ano é superior a R$ 1 bilhão. “Trabalhamos pela manutenção e pela ampliação dos serviços públicos. Tomamos conta das demandas estaduais e temos lançado mãos generosas de apoio aos municípios”, disse.

Na Saúde, o governador destacou a ampliação do número de leitos hospitalares: um incremento de 42% e mencionou também a inauguração do Hospital de Traumatologia e Ortopedia (HTO), aumentando de 80 para cerca de 400 a capacidade de cirurgias desse tipo na rede hospitalar estadual.

A inauguração do HTO, destacou, possibilitou também que o Hospital Tarquínio Lopes, que antes atendia esses casos, fosse dedicado exclusivamente para o tratamento dos pacientes de câncer. É a primeira vez que o Maranhão conta com um hospital na rede estadual exclusivo para esta finalidade.

No campo educacional, o destaque foi para o programa Escola digna. Mais de 700 prédios foram reformados e/ou construídos, beneficiando cerca de 60% dos estudantes maranhenses. Outras 40 escolas devem ser entregues nas próximas semanas.

No âmbito da segurança, os dados apresentados listam 900 novas viaturas entregues para reforçar o sistema de segurança e a descentralização do Centro Tático Aéreo (CTA), que passou a atender a mais de 80% dos municípios maranhenses com patrulhamento aéreo e regate aeromédico, entre outras ações.

Na atual gestão, os servidores também foram valorizados: foram mais de 8.000 promoções de servidores públicos e 2.500 progressões – um processo que, garantiu o governador, continuará este ano.

Novas ações  – Flávio Dino anunciou ainda a construção do Hospital Regional do Baixo Parnaíba, em Chapadinha, e o novo hospital dos servidores, em São Luís, que já está em fase de licitação, além do Hospital de Urgência e Emergência da Ilha, no bairro do Turu.

A garantia das condições para o exercício pleno da cidadania será destaque. Esta semana, com a inauguração da unidade de Barreirinhas, o governo do Maranhão atinge a marca de 50 unidades do Viva – eram apenas seis em 2014.

Outras ações a serem concretizadas em 2018 são a abertura de mais uma Casa da Mulher Brasileira, desta vez em Imperatriz; a entrega de 2.041 apartamentos para servidores, no Parque Independência e a construção de 50 cozinhas comuniatárias.

O ensino superior também terá reforço: será inaugurado mais um campus da Universidade Estadual do Maranhão, em São Bento, e novos campi em São Luís. Já a Universidade Estadual da Região Tocantina do Maranhão (UemaSul) vai ganhar campi em Imperatriz e Estreito – este último, em parceria com a prefeitura local. O campus da UemaSul em Açailândia, por sua vez, deverá ser reformado e ampliado.

(Com dados da Secap)

 

Compartilhe
Aquiles Emir
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação