Paraná é vice-líder da Série B ao vencer Ponte Preta e Chapecoense assume terceiro lugar ao bater Juventude

0
283
Jogo equilibrado foi definido apenas aos 42 do segundo tempo (Rui Santos/Parana/Divulgação)

Equipes do Paraná e de Santa Catarina conquistam importantes pontos

No duelo de duas equipes que almejam o topo da tabela, o Paraná derrotou a Ponte Preta por 2 a 1, no estádio Durival Britto nesta terça (1), e chegou à vice-liderança da série B do Campeonato Brasileiro, com 14 pontos conquistados. Já a Chapecoense subiu para a terceira posição, ao derrotar o Juventude por 1 a 0.

Jogando em casa, o Paraná partiu para cima nos primeiros momentos e abriu o placar com apenas 2 minutos de jogo. A Ponte Preta tentou sair pelo lado esquerdo de defesa, mas a marcação alta do Tricolor funcionou. Lazaroni perdeu a bola para Paulo Henrique, que tocou para Meritão. Ele viu a chegada de Renan Bressan, que, de perna direita, prensado com a zaga, acertou o canto esquerdo do goleiro Ivan.

O Paraná quase ampliou três minutos depois. Bruno Gomes passou para Meritão, que chutou de primeira, de canhota. Ivan fez boa defesa com o pé direito e salvou. A Ponte Preta entrou na partida por volta dos 8 minutos e passou a chegar mais na área dos donos da casa. Aos 14 minutos, João Paulo avançou pela esquerda e cruzou na medida, na cabeça de Matheus Peixoto, que tocou com categoria para empatar.

Aos 42 minutos do segundo tempo, Paulo Henrique avançou pela direita e cruzou na área da Ponte Preta para Bruno Gomes. Luizão tentou se antecipar e acabou jogando contra o patrimônio. Gol contra que valeu a vitória do Paraná.

chapecoense, juventude, série b
Em noite inspirada, Foguinho muda jogo e faz gol da vitória
(Márcio Cunha/Chapecoense/divulgação)

Chapecoense – Em Chapecó (SC), a Chapecoense derrotou o Juventude por 1 a 0 nesta terça (1) depois de Foguinho incendiar a partida. Mesmo atuando na Arena Condá, o time gaúcho foi melhor até os 11 minutos do segundo tempo, quando o técnico Umberto Louzer colocou o jogador de 20 anos em campo. Com a vitória, o Verdão do Oeste chegou a 13 pontos e subiu para a terceira posição da Série B do Campeonato Brasileiro. O Juventude permanece com 9 pontos e ocupa momentaneamente a nona colocação.

No segundo tempo, aos 14 minutos, a Chape abriu o placar. Boa jogada pela esquerda e Foguinho recebeu na entrada da grande área. O camisa 45 dominou, driblou o zagueiro com a perna direita e, de canhota, soltou a bomba rasteira para fazer o gol da partida. Com a vantagem no placar e em noite inspirada de Foguinho, o Verdão do Oeste dominou o restante do jogo e não deu chances ao Juventude.

Na próxima rodada, a Chapecoense enfrenta o Avaí, domingo (6) às 11h na Arena Condá. O Juventude visita o Oeste, sábado (5) às 11h na Arena Barueri.

Jogando em casa, o Paraná partiu para cima nos primeiros momentos e abriu o placar com apenas 2 minutos de jogo. A Ponte Preta tentou sair pelo lado esquerdo de defesa, mas a marcação alta do Tricolor funcionou. Lazaroni perdeu a bola para Paulo Henrique, que tocou para Meritão. Ele viu a chegada de Renan Bressan, que, de perna direita, prensado com a zaga, acertou o canto esquerdo do goleiro Ivan.

Compartilhe
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação