Wellington do Curso, em nova guinada política, declara apoio a Eduardo Braide

0
476
Wellington do Curso (E) agora recomenda voto em Eduardo Braide, "por coerência política" (divulgação)

Para deputado, nova posição é uma prova de coerência

Nesta quinta-feira (19), o deputado estadual Wellington do Curso (PSDB) deu mais guinada na sua confusa atuação no processo eleitoral de São Luís. De pré-candidato a apoiador de Neto Evangelista (DEM), ele anunciou que apoiará, no segundo turno, Eduardo Braide (Podemos), que havia acusado de cúmplice na decisão do PSDB de abortar sua candidatura e chegou a pedir que seus eleitores não votassem nele.

Para Wellington, a nova posição é prova de coerência política, pois dá ênfase à sua oposição ao governador Flávio Dino (PCdoB), que apoia Duarte Júnior (Republicanos). Segundo ele, “jamais poderia estar ao lado de um candidato para o qual Dino faz campanha, razão pela qual declarou apoiar Eduardo Braide”.

“Desde o final de 2015, faço oposição ao governador Flávio Dino. Não poderia, agora, apoiar o mesmo candidato para quem Flávio Dino tem feito campanha declarada e usando a máquina pública. Apoiar o mesmo candidato que Flávio Dino seria trair as pessoas que confiam em mim. Por isso, passo por cima das diferenças, por cima das minhas mágoas e do meu sofrimento”, frisou tucano.

Encontro – Logo após o anúncio pelas redes sociais, Wellington e Braide se encontraram pessoalmente. “Eu vim aqui agradecer a confiança e o apoio do meu amigo, deputado Wellington do Curso, e dizer que, nesse momento, é o bem de São Luís que une a todos nós. Estamos juntos, e vamos à vitória. No dia 29 é 19. Vamos lá!”, afirmou Braide.

“Por amor a São Luís e, passando por cima de todas as diferenças que, porventura, existiram durante a pré-campanha e a campanha, hoje, 19, eu sou 19. E dia 29, nas urnas, eu quero pedir aos meus amigos eleitores que atendam o meu pedido e também votem Eduardo Braide 19”, reafirmou Wellington

Antes, em sua live nas redes sociais, Wellington do Curso já havia declarado estar com Braide. “Com muita humildade e serenidade, declaro meu apoio no segundo turno a Eduardo Braide”, afirmou. “Vou ajudar Eduardo Braide a ser prefeito de São Luís, vou pras ruas, vou pedir voto. A partir de agora eu sou 19, por amor a São Luís, pela reconstrução da cidade”, assegurou o deputado.

Compartilhe
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação