Protocolos definem normas para quem vai passar festas de fim de ano no Maranhão

0
395

Muita gente já começou a programar viagem para as férias de fim de ano

O Maranhão, por estar com a curva de infecção por covid-19 em baixa, poderá ser um dos destinos mais procurados, mas é importante ficar atento às medidas sanitárias definidas na Portaria nº 046, de 17 de julho de 2020, que aprovou protocolo segmentado para a visitação e o transporte de turístico. As regras valem tanto para o turismo receptivo de outros estados e países quanto para a movimentação interna. 

Pelas normas do Governo do Estado, hotéis, pousadas e similares devem trabalhar com check-in e check-out sem contato, mater a manutenção e limpeza de aparelhos de ar condicionado, priorizar reservas antecipadas de mesas e áreas de lazer, limitar o uso dos elevadores, garantir aferição da temperatura dos hóspedes e colaboradores, desinfectar as áreas sociais e apartamentos e fixar cartazes informativos sobre protocolos de prevenção da Covid-19.

Os meios de hospedagem devem intensificar a frequência de higienização das áreas de maior circulação e disponibilizar álcool em gel próximo aos botões dos elevadores e em locais acessíveis aos turistas.

Transporte  – As companhias aéreas vêm reforçando a comunicação com os passageiros, por meio de informações atualizadas e disponíveis em seus canais.

Além disso, o uso de máscaras faciais é obrigatório nos aeroportos e a bordo. Áreas de check-in contam com marcações no chão para o distanciamento físico.

Já entre os protocolos para os transportes rodoviários, estão sendo orientadas a ventilação natural dentro dos veículos, fixação de recomendações aos usuários, intensificação na limpeza após cada viagem, uso de proteção facial e recomendações como não utilizar a capacidade máxima do transporte por passeio ou viagem.

Agências de Turismo – Dentre os protocolos para as agências de turismo, estão o uso obrigatório de máscara, distanciamento em caso de formação de filas, poltronas bloqueadas para utilização e a intensificação da limpeza e sinalizações.

Os guias de turismo, condutores de veículos e transporte aquaviário estão sendo orientados a informar aos turistas antes de iniciar qualquer atividade, sobre protocolos, mudanças e restrições.

É importante que o guia faço uso de microfone individual, máscara descartável e máquina de cartão de crédito higienizada.

Objetos pessoais como óculos, celulares, microfones e outros devem ser higienizados com álcool em gel etílico 70%, e cabe aos guias evitar espaços com probabilidade de aglomeração.

Visitantes – Para quem visita, a dica é manter o bom senso. Além de usar máscaras em espaços públicos e respeitar o distanciamento social, pais devem higienizar as mãos das crianças sempre que necessário e principalmente antes de entrar e após saírem de um atrativo turístico.

E claro: quem apresentar qualquer sintoma gripal, como febre ou tosse, não deve realizar quaisquer passeios turísticos.

Compartilhe
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação