Ainda que vença o Paysandu neste sábado, Sampaio ficará quatro pontos distante do G4

0
590

AQUILES EMIR

As chances do Sampaio Corrêa ascender à Série A do Campeonato Brasileiro diminuíram após os jogos deste terça-feira (23), principalmente por conta da vitória do América de Minas Gerais, que chegou aos 54 pontos, se igulando ao Bahia. Isto significa dizer que, ainda que vença a partida deste sábado, contra o Paysandu, de Belém (PA), o time ainda precisará de quatro pontos, ou seja, duas rodadas com vitórias para se igualar ao quarto colocado, e ainda torcer para que os demais à sua frente não vençam as próximas partidas.

Com a derrota imposta ao Oeste, o América pulou para o terceiro lugar, mesmo tendo a mesma pontuação do Bahia, pois tem melhor saldo de vitórias que a equipe baiana, que não joga neste fim de semana. À frente do Sampaio, em busca de vaga no G4 estão ainda o seu adversário direto deste sábado, com 49 pontos, podendo chegar a 52; o Náutico, também com 49,  enfrenta o líder Botafogo, em Recife (PE); o Santa Cruz, com 48 pontos,  vai enfrentar o Atlético de Goiás, que tem 42, podendo a equipe pernambucana chegar a 51; e o Luverdence, outro que soma 48 pontos, enfrenta o Bragantino, que tem 45, e pode chegar a 51, e equipe do Mato Grosso.

Passando pelo Paysandu, o Sampaio teria, teoricamente, um jogo fácil contra o ABC, dia 31, para chegar aos 54 pontos, pois a equipe potiguar está na zona do rebaixamento, com apenas 27 pontos, mas o jogo é em Natal (RN), onde o ABC se torna sempre um adversário difícil, principalmente neste momento que precisa continar lutando para não ser rebaixado para a Série C. Caso vença, Paysandu e ABC, o Sampaio ainda precisará de um ponto para alcançar América ou Bahia, se estes não vencerem os próximos compromissos.

Na próxima rodada, o América pega o Boa Esporte, num duelo mineiro, e o Bahia vai enfrentar o líder Botafogo, mas o jogo é em Salvador, onde pesará o fato torcida.

Apesar da situação complicada, o clima ainda é de otimismo na equipe maranhense. O técnico Léo Condé treinou bastante seus jogadores para não serem surpreendidos e possam, na verdade, surpreender os adversários, mas só divulgará a escalação do time que pega o Paysandu, momentos antes do jogo, que começa às 16h30.

Sobre a importância do enfrentamento com o time paraense, Condé afirmou: “Tivemos uma semana boa de treinos, com retorno de jogadores importantes, um pouco mais de privacidade para acertarmos algumas jogadas, ajustar o posicionamento, manter os atletas mais concentrados dentro daquilo que estamos cobrando, e definir a equipe. Acredito que estamos prontos para fazer uma boa apresentação”.

Compartilhe