Alcione teria passado mal antes do desfile da Mangueira, mas esbanja alegria na Verde e Rosa

82

Público cantou para ela, “não deixa o samba morrer”

AQUILES EMIR 

A cantora maranhense Alcione Nazaré, homenageada pela Estação Primeira de Mangueira no desfile da madrugada desta terça-feira (13), no Rio de Janeiro, teria passado mal antes da escola entrar na Marquês de Sapucaí. Aínda assim, marcou presença como destaque do último carro da agremiação, e recebeu uma homenagem especial do público que lotou o sambódromo.

De acordo com o colunista Leo Dias, do portal Metrópoles, Alcione teria causado preocupação logo após o começo do desfile da Mangueira e foi levada por integrantes da escola a outro ponto da avenida. 

Num vídeo postado pelo colunista, Alcione é visita sendo amparada por integrantes da Mangueira. Apesar do susto, ela esteve no último carro alegórico da escola de samba, esbanjando simpatia e alegria para os presentes na Sapucaí. É possível ouvir, nesta gravação, incentivos de fãs.

Num outro vídeo, publicado pelo Metrópoles, Alcione aparece esbanjando a voz antes do desfile. No esquenta, a cantora foi para perto da bateria e ajudou a puxar hinos da Verde e Rosa.

Quando chegou a hora do samba de 2024, a Marrom cantou os primeiros versos:

Ao final do desfile, a sambista maranhense foi saudada pelo público da arquibancada, que fez um grande coro para cantar em sua homenagem”não deixa o samba morrer”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui