Geraldo Alckmin lidera pesquisa em São Paulo num cenário sem Lula testado pelo Ibope

0
1031

AQUILES EMIR

O ex-governador Geraldo Alckmin (PSDB) lidera as intenções de voto para presidente da República em São Paulo, num cenário em que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) não é apresentado como candidato. É o que revela pesquisa Ibope encomendada pela Rede Bandeirantes (leia pesquisa detalhada aqui), divulgada nesta sexta-feira (03).

De acordo com a pesquisa, quando o ex-presidente é substituído pelo ex-prefeito paulistano e ex-ministro da Educação Fernando Haddad, o tucano assume a dianteira com 19%. O segundo colocado seria Jair Bolsonaro (PSL), com 16%, seguido de Marina Silva (Rede), com 11%; Ciro Gomes (PDT), com 8%; e Haddad, com 4%, mesma porcentagem de Alvaro Dias (Pode). José Maria Eymael (DC), Guilherme Boulos (PSOL), Henrique Meirelles (MDB), João Amôedo (Novo), Levy Fidelix (PRTB), João Goulart Filho (PPL), Manuela D’Ávila (PCdoB) e Vera Lúcia (PSTU) têm 1%. Brancos e nulos, neste cenário, somaram 23%. Não sabem ou não responderam são 7%.

No cenário em que Lula é apresentado como candidato, ele fica com 23% das intenções de votos. Em segundo lugar, aparece  Jair Bolsonaro com 18%, seguido de  Alckmin (15%), Marina Silva (8%), Ciro Gomes (4%) e Alvaro Dias (3%). Com 1% das intenções de voto aparecem os candidatos Henrique Meirelles (MDB), João Amôedo, Levy Fidelix Manuela D’Ávila e Vera Lúcia (PSTU).

presidente 2

Rejeição – No quesito rejeição, o primeiro colocado é Lula (44%), seguido por Bolsonaro (30%), Geraldo Alckmin (27%), Ciro Gomes (24%), Fernando Haddad (20%), Marina Silva (19%), Levy Fidelix (16%), Henrique Meirelles (12%), Eymael (11%) e Guilherme Boulos (10%). Com 9% aparecem Alvaro Dias, Manuela D’Ávila e Vera Lúcia. Já com 8% de rejeição estão João Goulart Filho e Paulo Rabello de Castro. João Amôedo obteve 7% de rejeição. Não sabem ou não responderam são 10%, enquanto quem poderia votar em todos os candidatos chega a 2%.

rejeicao

O Ibope entrevistou 1008 eleitores entre os dias 29 de julho a 1 de agosto. A margem de erro máxima estimada é de três pontos percentuais, para mais ou para menos. O nível de confiança utilizado é de 95%. A pesquisa foi contratada por Companhia Rio Bonito Comunicações. A pesquisa foi registrada no Tribunal Regional Eleitoral sob o protocolo Nº SP-02337/2018 e no Tribunal Superior Eleitoral sob protocolo Nº BR-09683/2018.

Compartilhe
Aquiles Emir
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação