América derrota o lanterna ABC e cola no líder Internacional com a mesma pontuação

0
420

O América de Minas encostou no Internacional, líder da Série B, ao vencer, nesta terça-feira (07), em Belo Horizonte (MG), o lanterna ABC por 2 a 0. Com esta vitória, a equipe mineira chegou aos mesmos 63 pontos dos gaúchos e devido a uma vitória a menos, segue na vice-liderança.

Após o Internacional empatar em 2 a 2 com o Luverdense, segunda-feira (06), na abertura da rodada, o América entrou em campo no Independência em busca da vitória para colar no líder. Empolgado, foi para cima e abriu o placar aos 23 minutos com Giovanni. No segundo tempo, os mineiros seguiram superiores e fecharam o marcador com Rafael Lima aos 24 minutos. Com o segundo triunfo consecutivo, o América/MG alcançou os mesmos 63 pontos do Colorado. Com 28, o ABC continua na lanterna.

De olho no G-4, o Vila Nova recebeu o Santa Cruz no Serra Dourada, em Goiânia (GO). O tricolor pernambucano, lutando para fugir da zona de rebaixamento, encarou a partida como uma decisão. Mesmo fora de casa, os pernambucanos começaram assustando, mas foram os donos da casa que saíram na frente. Aos 33 minutos, Geovane balançou as redes para o Dragão. No segundo tempo, o Santa Cruz foi em busca do empate e deixou tudo igual, aos 13, com Ricardo Bueno. Com o empate, o Vila Nova soma 53 pontos e amarga um jejum de vitórias de quarto rodadas. Com 33, o Santa Cruz não vence há dez jogos pela Série B.

Quem se afastou de vez do Z-4 foi o Criciúma, que fez o dever de casa e se impôs diante do Boa Esporte no Heriberto Hulse. O primeiro gol catarinense foi marcado por João Henrique, aos 16 minutos do primeiro tempo. Na etapa final, Lucão balançou as redes e sacramentou a vitória dos mandantes por 2 a 0. Com o resultado, o Criciúma alcançou 46 pontos e deixou os mineiros com 40.

Respirando – Na Arena Pernambuco, no Recife (PE), o Paysandu levou a melhor para cima do Náutico. O Papão saiu na frente logo aos 13 minutos de jogo com Bergson. No minuto seguinte, Perema marcou contra e igualou o placar, 1 a 1. No segundo tempo, o time paraense contou com o faro de gol apurado de Caion, que marcou em duas oportunidades e fechou o marcador em 3 a 1. Com a vitória, o Paysandu chega a 45 pontos e deixa o Náutico com 31.

No Bento de Freitas, em Pelotas (RS), as redes balançaram apenas na etapa final. O Brasil de Pelotas abriu o placar aos 11 minutos com Rafinha. Aos 25, o meia repetiu a dose e sacramentou a vitória gaúcha por 2 a 0. Com o triunfo, o Brasil alcançou 42 pontos e subiu para a 13ª posição. Com 56, o Tricolor paranaense continua na quarta posição, graças ao empate do Oeste diante do Figueirense.

Na Arena Barueri, os gols saíram no segundo tempo. O Figueirense saiu na frente aos seis minutos com André Luís, de cabeça. Aos 33, Mazinho arriscou de fora da área, contou com a ajuda do goleiro Saulo e decretou o empate em 1 a 1. Com o resultado, o Oeste chegou a 56 pontos e perdeu a chance de entrar no G-4. Com 43, o Figueira segue em 12º lugar.

No estádio do Café, o Londrina aproveitou os tropeços dos concorrentes diretos e encostou no G-4. Diante do Goiás, o Tubarão fez o dever de casa e chegou a 52 pontos. A vitória foi construída na volta do intervalo. Aos sete minutos, Artur abriu o placar e, aos 17, Carlos Henrique fechou o marcador, 2 a 0. Com 43 pontos, o Esmeraldino caiu para a 11ª posição.

(Com dados da CBF)

Compartilhe
Aquiles Emir
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação