Apenas 73 prefeitos maranhenses aderem ao Programa Amigo da Criança

0
2115

Apenas 73 prefeitos maranhenses, ou seja, pouco mais de 1/3 dos municípios maranhense já aderiram ao programa Amigo da Criança da Fundação Abrinq. No Brasil, mais de 2 mil já assinaram o compromisso com a promoção dos direitos das crianças e adolescentes. O programa é apartidário e visa à implementação de ações e políticas que proporcionem avanços na saúde, educação e proteção das crianças e adolescentes.

Durante toda a gestão, a Fundação Abrinq monitora indicadores de educação, saúde e proteção ligados à infância e adolescência. Os Prefeitos e Prefeitas que cumprirem com seu compromisso são reconhecidos com o Prêmio Prefeito Amigo da Criança.

Criado em 1996, o Programa Prefeito Amigo da Criança busca mobilizar e apoiar tecnicamente os municípios na implementação de ações e políticas que resultem em avanços na garantia dos direitos das crianças e adolescentes.

Ao longo dos quatro anos da gestão municipal, o Programa oferece subsídios técnicos e recomendações, bem como promove seminários que possibilitam o diálogo, a troca de experiências e a disseminação de conhecimentos úteis à construção ou à consolidação de políticas públicas voltadas à melhoria das condições de vida de crianças e adolescentes. Ao final da gestão, são avaliados os resultados obtidos pelos municípios, por meio de uma avaliação técnica e política, concedendo aos prefeitos que impulsionaram avanços nas linhas de ação propostas o Reconhecimento Pleno da Fundação Abrinq de Prefeitos Amigos da Criança.

Compromissos do Prefeito Amigo da Criança

  • Desenvolver a política de forma planejada, participativa, Intersetorial e Sustentável;
  • Realizar processo de planejamento com alocação orçamentária nas políticas para infância e adolescência;
  • Qualificar as políticas de atendimento à primeira infância;
  • Estabelecer, ampliar e fortalecer as relações institucionais entre: Executivo, Legislativo, Judiciário e Organizações Sociais, articulando a Rede de Proteção Integral;
  • Fortalecer a atuação do Conselho Municipal de Direitos, dos Conselhos Tutelares, Setoriais e do Fundo Municipal da Criança e do Adolescente;
  • Ampliar mecanismos de transparência e controle social.
Municípios do Maranhão que já assinaram a adesão:
  • Afonso Cunha
  • Alcântara
  • Aldeias Altas
  • Alto Alegre
  • Apicum-Açu
  • Araioses
  • Arari
  • Balsas
  • Barra do Corda
  • Barreirinhas
  • Bequimão
  • Bernardo do Mearim
  • Bom Jesus das Selvas
  • Buritirana
  • Bom Jesus das Selvas
  • Cajapió
  • Capinzal do Norte
  • Caxias
  • Chapadinha
  • Cidelândia
  • Cururupu
  • Fortaleza dos Nogueira
  • Governador Edison Lobão
  • Governador Eugênio Barros
  • Governador Luiz Rocha
  • Graça Aranha
  • Grajaú
  • Guimarães
  • Imperatriz
  • Itinga do Maranhão
  • Lago da Pedra
  • Lago do Junco
  • Lago dos Rodrigues
  • Lago Verde
  • Lagoa Grande do Maranhão
  • Loreto
  • Milagres do Maranhão
  • Montes Altos
  • Morros
  • Nina Rodrigues
  • Olinda Nova do Maranhão
  • Paulino Neves
  • Pedreiras
  • Pedro do Rosário
  • Pio XII
  • Porto Franco
  • Porto Rico do Maranhão
  • Presidente Médici
  • Riachão
  • Santa Filomena do Maranhão
  • Santa Luzia do Paruá
  • Santo Amaro do Maranhão
  • Santo Antônio dos Lopes
  • São Domingos do Azeitão
  • São Félix de Balsas
  • São Fracisco do Maranhão
  • São João do Paraíso
  • São José de Ribamar
  • São Luís
  • São Luiz Gonzaga
  • São Mateus do Maranhão
  • São Pedro da Água Branca
  • São Pedro dos Crentes
  • São Raimundo das Mangabeiras
  • São Vicente Ferrer
  • Senador Alexandre Costa
  • Senador La Roque
  • Tasso Fragoso
  • Timbiras
  • Timon
  • Trizidela do Vale
  • Vargem Grande
  • Vitorino Freire

 

Compartilhe
Aquiles Emir
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação