Projeto Tocando o Choro leva gênero musical para salas de aula em escola no bairro da Madre de Deus

0
173

Até o mês de dezembro, uma escola por mês deverá receber o projeto

Começa nesta quarta-feira (21) o projeto Tocando o Choro, idealizado pela Estação do Choro, equipamento cultural do Governo do Estado, gerenciado pela Secretaria de Estado da Cultura (Secma). A partir das 09h, cerca de 230 alunos da Unidade Integrada José Giorceli Costa, no bairro Madre Deus, terão acesso a história do Choro maranhense por meio de músicas dos principais compositores de chorinho do estado.

No evento desta quarta-feira, estarão presentes o professor Nonatinho, o músico Osmarzinho, professores voluntários da antiga Escola de Música, hoje IEMA, além de alunos do núcleo do Choro.

“Esse é um projeto que foi pensado como forma de disseminar a cultura do gênero Choro nas escolas, incentivando em jovens e adolescentes o despertar para a arte musical. Levar música para dentro da sala de aula, ressaltando a importância de estarmos atentos à diversidade do acervo musical maranhense, para podermos oferecer aos nossos alunos a oportunidade de conhecer outros gêneros musicais da cultura maranhense aos quais eles não têm acervo imediato”, informou a gestora da Estação do Choro, Nyesla Vale.

Até o mês de dezembro, uma escola por mês deverá receber o projeto. No ano que vem, a intenção é, além de levar música para as escolas, realizar oficinas musicais e, assim, ampliar o projeto. Para isso será feito um cadastro em cada uma das escolas, buscando os alunos que se interessarem pelas oficinas.

Um ano de atividades

A Estação do Choro completou recentemente 1 ano de atividades. Ao longo desse período, realizou ações como o Especial Mulheres no Choro, o primeiro Festival de Choro, iniciou o projeto Saber Viver Mais voltado para o público idoso, e ainda o projeto Vida Ativa, este último que dispõe de aula de funcional e de zumba aberto à comunidade. Atualmente o prédio passa por reformas para reestruturação do acervo e deverá ser reaberto em breve.

“A Estação do Choro é um espaço da Secretaria de Cultura onde se tem buscado disseminar, difundir, e potencializar a cultura do Choro dentro da comunidade do Monte Castelo e entorno. Para além da função museológica e de acervo do Choro, a Casa tem bem nítido o exercício da função social, beneficiando crianças, jovens e adultos com cultura e entretenimento”, disse o secretário de Estado da Cultura, Yuri Arruda.

O espaço é um equipamento cultural que tem função museológica e de desenvolvimento de atividades para o gênero. Atualmente, sob nova administração, está em etapa de estruturação do acervo. Além disso, a casa também está dispondo de atividades de manutenção cultural na comunidade para disseminar a cultura do chorinho.

Compartilhe
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui