Avaliação positiva de Bolsonaro melhora, segundo pesquisa do PoderData

0
217

Pesquisa PoderData, divulgada nesta quarta-feira (05) pelo portal Poder360, confirma tendência de melhora na aprovação do governo de Jair Bolsonaro e também na avaliação do trabalho do presidente. Segundo o levantamenjo, a administração federal tem 45% de aprovação e 45% de desaprovação.

De acordo com a pesquisa, a avaliação positiva do governo ficou 2 pontos percentuais acima da verificada na última pesquisa de 15 dias atrás, realizada de 20 a 22 de julho, quando era de 43%. A variação está no limite da margem de erro (2 pontos percentuais).

Ainda de acordo com o Poder360, há dois meses, a administração federal era rejeitada por 50% e aprovada por 41%. A diferença era de 9 pontos. Agora há empate, com 45% de cada lado.

Os dados apontam ainda que caiu o percentual de jovens (pessoas de 16 a 24 anos) que rejeitam a administração federal. Há 15 dias, eram 46%. Agora são 39%. O mesmo ocorreu com quem mora no Sudeste. No período, a desaprovação na região caiu de 51% para 43%. Já no Centro-Oeste, subiu de 30% para 45%.

Quanto à avaliação positiva do presidente, o Poder360 lembra que há duas semanas, era de 30% e agora passou para 32%. A rejeição ao chefe do Executivo é de 41%, mas há 15 dias era de 43%.

O percentual dos que consideram o desempenho do presidente regular foi de 23% para 25%.

Os que mais avaliam bem o trabalho de Bolsonaro são:

  • homens (39%);
  • moradores da região Centro-Oeste (36%);
  • os que possuem ensino médio (35%);
  • desempregados e sem renda fixa (34%).

Os que mais avaliam negativamente são:

  • mulheres (48%);
  • nordestinos (48%);
  • pessoas com ensino superior (53%);
  • os que recebem mais de 10 salários mínimos (63%).

A pesquisa foi realizada pelo PoderData entre os dias 03 e 05 de agosto, por meio de ligações para celulares e telefones fixos. Foram 2.500 entrevistas em 512 municípios, nas 27 unidades da Federação. A margem de erro é de 2 pontos percentuais.

Compartilhe
Aquiles Emir
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação