Bahia vence o clássico Ba-Vi e fará a final da Copa Nordeste com Santa Cruz ou Sport

0
617

O Bahia está na grande decisão da Copa do Nordeste 2017! Neste domingo (30), após derrota por 2 a 1 no duelo de ida, o Esquadrão de Aço bateu o Vitória por 2 a 0 e virou o placar agregado desta semifinal para cima do rival. Allione e Régis marcaram os gols da tarde na Arena Fonte Nova, em Salvador (BA).

Precisando vencer por conta do resultado negativo no primeiro jogo, o Bahia aproveitou o apoio dos mais de 34 mil torcedores no estádio e partiu para cima do Vitória desde o início da partida. Após pressionar bastante o adversário, o Tricolor chegou ao primeiro gol aos 37 minutos do primeiro tempo. Régis serviu Allione na entrada da área, o argentino driblou Bruno Ramires, ajeitou o corpo e marcou um golaço com toque colocado.

Na etapa final, o Rubro-Negro tentou arriscar mais, mas o domínio tricolor continuou. Aos 14, Régis recebeu de Eduardo dentro da área, driblou Kanu e bateu no canto do goleiro Fernando Miguel para ampliar a vantagem. Na comemoração, o autor do gol foi expulso e deixou o time com dez em campo. O Vitória, porém, não conseguiu aproveitar a vantagem numérica. Dois minutos depois, o lateral Patric também levou cartão vermelho do árbitro e os times voltaram a ter a mesma quantidade de atletas em campo. Com o placar necessário para avançar, o Bahia soube administrar a partida e garantiu a classificação para a final.

Para disputar o título da Copa do Nordeste na grande decisão, o Bahia espera o vencedor do confronto entre Santa Cruz e Sport. No primeiro jogo entre os rivais pernambucanos, o Tricolor levou a melhor com vitória por 2 a 1. O duelo da volta será na próxima quarta-feira (3) e o Santinha poderá empatar para avançar à final.

Adversário – O Santa Cruz largou na frente do rival Sport na disputa pela vaga na final da Copa do Nordeste contra o Bahia. O com um placar de 2 a 1, poderá jogar por um empate para ficar com a classificação para a grande decisão. Léo Costa e Halef Pitbull marcaram para o Santinha. Diego Souza balançou a rede pelo Leão.

Santa larga na frente e tem vantagem do empate (Créditos: Facebook oficial do Santa Cruz)

Mesmo jogando fora de casa, na Ilha do Retiro, no Recife (PE), o Santa Cruz não se intimidou com a festa da torcida rubro-negra e partiu para cima do Sport. Apesar do equilíbrio na posse de bola, o Tricolor conseguia assustar mais a defesa adversária e era melhor. Aos 32 minutos, Thomás avançou pela esquerda e cruzou para a área. Léo Costa entrou de cabeça e abriu o placar. O empate do Leão não demorou a sair. Cinco minutos mais tarde, Tiago Costa derrubou Diego Souza na área e o árbitro marcou o pênalti. No melhor estilo “quem sofre, bate”, o camisa 87 foi para a bola e deslocou Jacsson para deixar tudo igual.

No segundo tempo, as equipes voltaram com posturas mais defensivas, sem arriscar muito. O Sport cresceu na reta final e tentou buscar a virada, mas nada que levasse grande perigo ao gol adversário. O Santa Cruz decidiu arriscar em jogada individual e teve sucesso. Aos 31 minutos, André Luís passou por três marcadores e deu um ótimo passe para Halef Pitbull garantir o triunfo coral.

O jogo da volta entre Santa Cruz e Sport está marcado para a próxima quarta-feira (3), às 21h45 (de Brasília), no Arruda. Quem passar vai enfrentar o vencedor do confronto entre Bahia/BA e Vitória/BA na decisão. O Rubro-Negro levou a melhor diante do rival no jogo de ida, vencendo por 2 a 1.

(CBF)

Compartilhe
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação