Bolsonaro diz que esquerdista tem medo de tomar Ivermectina porque “mata verme”

0
395

NVECONVERSA FRANCA

PERGUNTAR NÃO OFENDE

Por que todo parlamentar para ser membro de uma CPI tem que fazer primeiro estágio de falta de educação, grosseria para saber indagar os depoentes

Ivermectina mata vermes

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) numa provocação aos seus adversários, disse nesta quinta-feira (20), em sua tradicional live semanal que esquerdista não toma Ivermectina porque tem medo de morrer, já que trata-se de um remédio que mata verme.

A colocação foi feita quando, mais uma vez, mesmo sabendo que não há comprovação científica de que a Cloroquina tem eficácia contra covid-19, mais uma vez, defendeu seu uso, já que não há também comprovação científica contrária.

Durante sua fala, Bolsonaro evitou citar os nomes dos dois medicamentos, “para não derrubarem a live”, citando apenas “aquele remédia para malária” e “aquele remédio para verme”.

Acompanhe a íntegra da live pelo YouTube: https://youtu.be/4NBPxdOxbOY

Hildo Rocha vota contra aumento de energia elétrica

O deputado federal Hildo Rocha (MDB-MA) se manifestou contra a proposta que prevê a contratação de termelétricas prevista na Medida Provisória 1031/21 que trata da privatização da Eletrobras. O tema foi objeto de intensos debates durante a Sessão que apreciou o relatório produzido pelo deputado Elmar Nascimento (DEM-BA).

“De fato, vai ocasionar aumento nas tarifas de energia, tanto residencial, como do comércio, da indústria e dos sistemas de irrigação. Além disso, ao assegurar a obrigatoriedade de geração de energia das termoelétricas, tirando a possibilidade de outras formas de geração de energia, como a fotovoltaica, o valor das ações da Eletrobras será reduzido. Portanto, sou a favor do texto original contra o Substitutivo, por isso voto contra”, justificou Hildo Rocha.

Gordinho, mas sadio física e mentalmente 

O governador Flávio Dino (PCdoB) reagiu pelas redes sociais à uma provocação do presidente Jair Bolsonaro. Em Açailândia, onde fez a entrega de títulos de propriedade, Bolsonaro brincou com a gordura do governador e o comparou com o ditador da Coreia do Norte e o presidente da Venezuela.

A resposta do governador foi imediata:

“Bolsonaro anda preocupado com o meu peso, algo bem estranho e dispensável. Tenho ótima saúde física e mental. E estou ocupado com vacinas, pessoas doentes, medidas sociais, coisas sérias. Trabalho muito. Não tenho tempo para molecagens, cercadinhos e passeios com dinheiro público”.

Prefeitura nos bairros neste sábado

O prefeito Eduardo Braide levará, a partir deste sábado (22), para a Cidade Operária, as ações do Programa “Prefeitura no Bairro”, com serviços de revitalização e reestruturação em diversos pontos. A ação terá início às 8h30, na Avenida Este Duzentos e Três, Unidade 201, próximo ao Mercado da Cidade Operária.

Com investimento estimado em R$ 4 milhões, o “Prefeitura no Bairro” da Cidade Operária vai realizar as seguintes obras:

    • Iluminação em LED nas principais vias, contemplando ruas e avenidas que fazem parte do circuito de transporte público; próximas às áreas de lazer, áreas comerciais e hospitais.
    • Serviços de pavimentação, recuperação asfáltica, limpeza urbana, poda de árvores, reestruturação e revitalização de canteiros; melhorias da trafegabilidade, com a implantação de conjunto semafórico e mudança de fluxo de trânsito; recuperação de praças; projeto paisagístico com arte urbana.

 

Compartilhe
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação