Botafogo bate Flamengo e o Santos avança no G4 ao derrotar o líder Corinthians

0
502

Cinco partidas do Campeonato Brasileiro foram realizadas neste domingo (10) pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Botafogo levou a melhor no clássico contra o Flamengo, o Cruzeiro afundou a Chapecoense na zona de rebaixamento, Fluminense e Vitória empataram, o Santos bateu o líder Corinthians e o Avaí aumentou a crise do Sport.

No clássico carioca, as equipes fizeram um primeiro tempo sem grande movimentação e não balançaram a rede. Na etapa final, o ritmo da partida melhorou. Aos dez minutos, Leo Valencia cobrou escanteio, Igor Rabello cabeceou e acertou a trave, mas no rebote, Roger tocou de cabeça para o fundo da rede. Treze minutos mais tarde, Bruno Silva recebeu na direita e cruzou rasteiro. O Roger se antecipa à Rhodolfo e bota no fundo da rede mais uma vez para garantir o triunfo do Botafogo.

Com a vitória, o Botafogo foi a 34 pontos e continua na cola do G-6, na sétima colocação. O Flamengo tem 35 e é o quinto colocado.

Na Arena Condá, o Cruzeiro conseguiu abrir o placar na reta final do primeiro tempo. Aos 45 minutos, Raniel arrancou e passou para Rafinha na esquerda. O meia invade a área, tirou o marcador da jogada e bateu com categoria para marcar. Na etapa final, aos 17, Robinho cobrou falta na área, Léo cabeceou e Jandrei espalmou. Raniel ficou com o rebote e, mesmo sem ângulo, mandou para a rede, marcando 2 a 0 para o Cruzeiro. Na marca dos 38 minutos, Canteros cobrou falta Túlio de Melo, livre, tocou de cabeça para superar o arqueiro celeste diminuiu para a Chape, que agora tem 25 pontos e está na 18ª colocação da tabela de classificação do Campeonato Brasileiro. O Cruzeiro foi a 34 com a vitória e segue na sexta colocação.

Santos – Na Vila Belmiro, a rede não balançou no primeiro tempo para Santos e Corinthians. Na etapa final, no entanto, o Peixe conseguiu transformar o ímpeto ofensivo em gols e marcou duas vezes para derrotar o Timão. O primeiro saiu aos 12 minutos. Bruno Henrique disparou pela esquerda, passou por Fagner, foi ao fundo e cruzou para Ricardo Oliveira. Pablo travou, mas a bola sobrou limpa para Lucas Lima, que bateu no alto e tirou qualquer chance de defesa do goleiro Cássio.

Já nos instantes finais, aos 47, Bruno Henrique recebeu de Lucas Lima, partiu em muita velocidade e serviu Ricardo Oliveira. O atacante só empurrou para a rede e garantiu o triunfo do Alvinegro praiano. O Santos segue na terceira colocação e foi a 41 pontos com a vitória, diminuindo a distância para o líder Corinthians para nove pontos. O Timão tem 50 e segue isolado no topo da tabela de classificação.

Na Ilha do Retiro, no Recife (PE), o Sport foi surpreendido e derrotado pelo Avaí por 1 a 0. Aos 26 minutos do primeiro tempo, Júnior Dutra marcou o único gol do jogo. Juan cruzou na área, o atacante se antecipou à marcação de Henríquez e anotou o tento dos catarinenses.  Com a vitória, o Leão de Floripa foi a 28 pontos e deixou a zona de rebaixamento, subindo para o 14º lugar. O Rubro-negro pernambucano tem 29 pontos e caiu para a 12ª colocação.

No Barradão, em Salvador (BA), Vitória e Fluminense fizeram um jogo bastante movimentado. O primeiro gol saiu aos 45 minutos do primeiro tempo. Patric cruzou da direita, a bola passou por Tréllez e Renato Chaves e caiu nos pés de Neílton. O atacante dominou e bateu colocado na saída de Júlio César para abrir o placar. O Tricolor não se abateu e, logo na volta da etapa final, aos dois minutos, Lucas cobrou lateral na área, Dourado ganhou no corpo de Wallace e ainda driblou o zagueiro antes de finalizar para defesa de Fernando Miguel. No rebote, Wendel chegou antes dos defensores rubro-negros e bateu para o gol aberto para deixar tudo igual.

Já na marca dos 44, Henrique Dourado cobrou pênalti com categoria e virou para os cariocas. Quando o triunfo do Flu parecia encaminhado, Neílton cruzou, Patric desviou para trás e Kanu, de cabeça, evitou a derrota baiana já aos 48 minutos. O Vitória foi a 25 pontos com o empate e agora está na 18ª colocação. O Tricolor das Laranjeiras tem 33 e é sexto colocado da tabela de classificação do Campeonato Brasileiro.

(Com dados e imagens da CBF)

 

Compartilhe
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação