Botafogo de Ribeirão Preto assume liderança da Série B do Campeonato Brasileiro

0
650

Cinco jogos movimentaram a Série B neste sábado (25). Pela quinta rodada, jogando em casa, Coritiba, São Bento, Ponte Preta e Brasil de Pelotas venceram suas partidas. O Botafogo de Ribeirão Preto foi o único visitante a derrotar o anfitrião, o Operário, e reassumiu da competição.

Saiba como foram as partidas deste sábado: 

Coxa bate o Cuiabá pela quinta rodada da Série B

  • Sem se incomodar com o Couto Pereira praticamente lotado, o Cuiabá foi para cima do Coritiba logo nos primeiro minutos do jogo, mas aos dez minutos, o Coxa colocou ordem na casa com um gol de Rodrigão. O atacante tabelou com Rafinha e finalizou, quase sem ângulo, para abrir o placar. No início da etapa complementar, assim como aconteceu no primeiro tempo, o Cuiabá se lançou ao ataque e na marca dos 13 minutos, Júnior Todinho, de cabeça, empatou a partida. O Coritiba correu atrás do prejuízo e, aos 35, Rodrigão fez o segundo dele garantindo a vitória do Verdão: 2 a 1.  O resultado colocou o Coxa na quinta posição, com oito pontos. Já o Cuiabá é o sexto colocado, com os mesmos oito pontos.
  • No Walter Ribeiro, em Sorocaba, Oeste e São Bento tiveram poucas chances de gols. Somente na volta do intervalo a bola, por volta dos 33 minutos, enfim, foi parar no fundo da rede. Estreando pelo São Bento, Fabrício Oya aproveitou uma sobra na entrada da área e mandou bomba para abrir o placar e dar número finais ao confronto: 1 a 0. Com a vitória o São Bento soma agora sete pontos e subiu para a décima posição na tabela. Do outro lado, o Oeste caiu para o 11º lugar, com seis pontos.
  • Em jogo de seis gols, Ponte Preta vence o Paraná pela quinta rodadaO duelo entre Ponte Preta e Paraná foi um prato cheio para o torcedor. Aos 22, Edson abriu a contagem no Moisés Lucarelli, em Campinas. Após cobrança de escanteio, o volante subiu livre para abrir o placar: 1 a 0, mas os visitantes viraram o placar, com dois gols de João Pedro, aos 36 e aos 39. Na volta do intervalo, Roger, aos 21, deixou tudo igual outra vez: 2 a 2. Na sequência, Abner fez o terceiro do clube paulista, aos 27. Já nos acréscimos, teve tempo para mais um da Ponte. Dadá cruzou e Marquinhos bateu rasteiro sem dar chances de defesa: 4 a 2 e vitória alvinegra garantida. A Ponte Preta pulou para a sétima posição, com oito pontos. Enquanto o Paraná é o 13º, com seis.
  • No Germano Kruger, em Ponta Grossa (PR), o Operário começou o jogo com maior domínio ofensivo, mas não conseguiu ser efetivo. Do outro lado, o Botafogo foi fatal e balançou as redes logo na primeira chances que teve. Na marca dos 37 minutos da etapa inicial, Júlio César aproveitou uma falha da defesa adversária para abrir o placar. O segundo gol dos visitantes saiu já aos 41 do segundo tempo. Murilo arriscou de fora da área, a bola beijou a trave e sobrou para Henan dar números finais à partida: 2 a 0.  O triunfo recolocou o Botafogo na liderança da Série B, com 12 pontos. Já o Operário entrou na zona de rebaixamento, com quatro pontos somados.
  • Em Pelotas, o jogo começou frenético no Bento Freitas. Logo aos cinco minutos, Juninho abriu o placar para o América de Minas, mas aos oito minutos, Branquinho achou Murilo Rangel, que mandou para o fundo das redes deixando tudo igual no marcador. Já no segundo tempo veio a virada do time da casa. Depois de cobrança de escanteio, Bruno Paulo empurrou para o gol, aos 26 minutos: 2 a 1. Com o resultado, o Brasil conquistou seus três primeiros pontos na competição e ultrapassou o Coelho, que caiu para lanterna, com apenas um.
Compartilhe
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação