Botafogo marca no final da partida e conquista Carioca nas cobranças de pênaltis

0
634

Em mais um clássico emocionante, e com o Maracanã lotado (64.208 presentes/58.135 pagantes, recorde no Brasil em 2018), o Botafogo conquistou o Campeonato Carioca, ao vencer nos pênaltis (4 a 3), após bater o Vasco por 1 a 0, no tempo normal, na tarde deste domingo (08/04). Foi o 21º título Carioca do Alvinegro

O gol que igualou o placar do duelo de dois jogos (o Cruzmaltino havia vencido o jogo de ida por 3 a 2) saiu aos 49 minutos, marcado pelo zagueiro e capitão alvinegro do dia, Joel Carli. Nos pênaltis, brillhou a estrela do goleiro paraguaio Gatito Fernandez, que pegou duas cobranças vascaínas (Werley perdeu o primeiro e Henrique, o ultimo). No time de General Severiano, apenas Rodrigo Pimpão desperdiçou sua cobrança.

O Presidente da FERJ, Rubens Lopes, entregou o Troféu Édson Arantes do Nascimento – Pelé ao Presidente do Botafogo, Nelson Mufarrej.

A Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro parabeniza o Botafogo de Futebol e Regatas, sua torcida, dirigentes, funcionários, jogadores e comissão técnica por mais um título Carioca em gloriosa história.

O jogo – No primeiro tempo, jogo truncado e fechado. O Vasco se postou defensivamente e amarrou o jogo, dificultado as ações do Botafogo. O 0 a 0 foi justo, mas o Botafogo conseguiu uma importante vantagem nesta etapa: terminar com um jogador a mais.

O primeiro lance de perigo foi um cruzamento que Marcelo quase chegou, mas Martin silva pegou. Aos 20, Renatinho arriscou da entrada da área e a bola bateu no braço de Rafael Galhardo. O árbitro não marcou, em lance duvidoso.

Vez de o Vasco assustar. Aos 25, Gatito espalmou chute de Pikachu e evitou o gol de Riascos no rebote. Aos 35, Pikachu entrou livre e mandou por cima.

Até que, aos 37, Fabricio deu entrada forte, no tornozelo de Luiz Fernando, e recebeu o cartão vermelho! Expulsão justa. O Botafogo teve chances com Valencia, para fora, e com Pimpão, de voleio.

Mas foi no segundo tempo que a pressão aumentou. Kieza, aos 4, quase fez de cabeça, vencendo Martin, mas parando em Erazo. Aos 6, Rabello cabeceou para fora. Aos 11, pênalti claro ignorado de Galhardo em Carli. No rebote, Renatinho soltou a bomba e Martin Silva espalmou.

A melhor oportunidade veio aos 20. Leo Valencia cobrou falta na área, Brenner desviou e Martin fez grande defesa. O Vasco se fechou ainda mais, arriscou em chutes por cima e foi ameaçado em cruzamentos.

Já na reta final, aos 47 Valencia foi expulso. Parecia que não dava mais. Porém, o Botafogo acreditou e fez o gol decisivo aos 50! Após cruzamento na área, Carli aproveitou o rebote e mandou para a rede! Vasco 0 x 1 Botafogo!

A decisão foi para os pênaltis. Brenner, Gilson, Marcinho e Renatinho converteram para o Botafogo, Gatito pegou as cobranças de Werley e Henrique, e garantiu o título de campeão carioca de 2018!

(Agência Ferj e Botafogo)

Compartilhe
Aquiles Emir
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação