Brasil de Pelotas, Boa Esporte e Guarani vencem em jogos realizados neste sábado

0
434

Quatro partidas movimentaram a sétima rodada da Série B do Campeonato Brasileiro neste sábado (26). Brasil de Pelotas, Boa Esporte e Guarani venceram os seus respectivos jogos, enquanto Juventude e São Bento empataram em 2 a 2.

No Bento Freitas, em Pelotas (RS), os gols saíram somente no segundo tempo. Aos sete minutos, Lourency desviou e Éder Sciola apareceu para abrir o placar para o Brasil. O Londrina sentiu o golpe e Diego Lorenzi acabou expulso por falta dura em Toty na marca dos 14. Em vantagem numérica, o Xavante passou a encontrar mais espaços. Aos 20 minutos, Lourency pegou o rebote de Vagner e ampliou o marcador. Quando o cronômetro chegou aos 28 minutos, Kaio fez boa jogada pela direita e encontrou Éder Sciola, que liquidou a fatura.

O Rubro-Negro de Pelotas foi a oito pontos e deixou a zona de rebaixamento, subindo para a 11ª colocação. O Tubarão tem oito e está no 12º lugar.

No Serra Dourada, em Goiânia (GO), o Boa Esporte venceu o Goiás, com gols de William Barbio, aos 32 minutos do primeiro tempo. Na etapa final, aos 20, Lucão ajeitou e Felipe Gedoz deixou tudo igual. No apagar das luzes, aos 48 minutos, Lucas Taylor invadiu a área do Goiás e foi derrubado por Jefferson. Caíque foi para a bola e não deu chance para Marcelo Rangel, garantindo os três pontos ao time mineiro.

Com a vitória, o Boa chegou a quatro pontos e pulou para a 18ª posição, ultrapassando o próprio Esmeraldino, que ficou no 19ª lugar.

No Walter Ribeiro, em Sorocaba (SP), a rede balançou pela primeira vez aos 31 minutos. Caio Rangel cobrou escanteio na área, César Martins desviou na primeira trave, a bola tocou no travessão e Elias completou de cabeça no rebote. Seis minutos depois, Felipe Mattioni cobrou falta no meio da área, Rodrigo Viana não saiu do gol e Matheus Bertotto, sem marcação, cabeceou para ampliar para o Juventude. No segundo tempo, o Azulão reagiu e marcou logo aos dois. Everaldo recebeu livre na entrada área, tirou o marcador e bateu rasteiro. Aos 28, Paulinho cobrou escanteio na área e o zagueiro Luizão subiu bem para deixar tudo igual usando a cabeça. As duas equipes ainda tiveram boas chances, mas o placar terminou empatado.

Bugre bateu o CRB por 2 a 0 e alcançou a décima colocação da Série B

Guarani – No Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas (SP), o Guarani recebeu o CRB e venceu por 2 a 0. O Bugre foi a dez pontos com o triunfo e assumiu o 10º lugar. O Galo tem seis e está na zona de rebaixamento, na 17ª colocação.

O primeiro tempo da partida foi equilibrado. O Guarani encontrava dificuldades para furar o bloqueio de um defensivo CRB. Aos 39 minutos, Ricardinho pegou a sobra em dividida no alto, dominou na intermediária e bateu forte para o fundo da rede. Seis minutos depois, o time alagoano respondeu com Neto Baiano. O atacante matou a bola no peito, girou para cima do marcador e bateu para fora.

O duelo ficou um pouco mais corrido na etapa final. Após uma muita pressão, incluindo uma bola no travessão do meia Guilherme, logo aos dois minutos, o Bugre, enfim, conseguiu chegar ao gol que daria tranquilidade e liquidaria a fatura. Aos 16, Longuine foi derrubado na área e o árbitro marcou o pênalti. Rondinelly foi para a cobrança e botou a bola no canto esquerdo de João Carlos para garantir o triunfo campineiro.

Compartilhe
Aquiles Emir
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação