Brasil chega a dezenove técnicos de futebol portugueses em seis anos

14

Pais é segundo maior importador de treinadores lusitanos

Álvaro Pacheco desembarcou no Vasco para aumentar um número que já era expressivo: levantamento do Bolavip Brasil descobriu que, com ele, serão 19 técnicos portugueses na Primeira Divisão do Campeonato Brasileiro nos últimos seis anos. O número torna o Brasil o segundo maior importador de treinadores do país no mundo, atrás apenas da Arábia Saudita.

Foram considerados todos os treinadores portugueses, incluindo auxiliares que substituíram técnicos por uma partida ou mais e também interinos, da primeira divisão de 14 países: Inglaterra, Alemanha, Espanha, Itália, França, Holanda, Turquia, Grécia, Ucrânia, Brasil, Argentina, Arábia Saudita, Japão e Coreia do Sul. O recorte de tempo foi desde a temporada 2019 até a atual. Alemanha, Holanda e Japão não tiveram treinadores portugueses no período.

  • A Arábia Saudita é o maior importador de treinadores portugueses no mundo, com 24 treinadores diferentes atuando na primeira divisão local desde 2019. Na atual temporada, Jorge Jesus garantiu antecipadamente o título saudita com o Al Hilal.
  • O Brasil ocupa o segundo lugar no estudo, com 19 técnicos portugueses, fenômeno que teve crescimento com o sucesso de Jorge Jesus no Flamengo, em 2019.
  • A lista de todos os treinadores portugueses no Brasil no período conta com Jorge Jesus, Abel Ferreira, Ricardo Sá Pinto, João Martins, Antônio Oliveira, Bruno Lopes, Vitor Castanheira, Vitor Pereira, Luis Castro, Paulo Sousa, Pedro Caixinha, Armando Evangelista, Renato Paiva, Pepa, Bruno Lage, Ivo Vieira, Artur Jorge, Petit e Álvaro Pacheco.
  • Atualmente, o Campeonato Brasileiro conta com seis técnicos portugueses diferentes: Abel Ferreira (Palmeiras), Antônio Oliveira (Corinthians), Pedro Caixinha (RB Bragantino), Artur Jorge (Botafogo), Petit (Cuiabá) e Álvaro Pacheco (Vasco).
  • O terceiro lugar é ocupado pela Grécia, com seis treinadores portugueses diferentes no período. Antes de se transferir para o Palmeiras e se tornar o técnico mais vitorioso da história do clube, Abel Ferreira estava no grego PAOK.
  • Sete técnicos portugueses foram os que mais rodaram, passando por três países diferentes no período: Jorge Jesus (Arábia Saudita, Brasil e Turquia), Vitor Pereira (Turquia, Brasil e Arábia Saudita), Luís Castro (Ucrânia, Brasil e Arábia Saudita), Paulo Sousa (França, Brasil e Itália), Pedro Caixinha (Arábia Saudita, Argentina e Brasil), José Morais (Coreia do Sul, Ucrânia e Arábia Saudita) e Paulo Fonseca (Ucrânia, Itália e França).
  • Jorge Jesus foi o único campeão em três países diferentes – levantou taças à frente de Al Hilal, Flamengo e Fenerbahce.
  • No total, 47 treinadores portugueses diferentes atuaram nos 14 países considerados no estudo.

Sobre o Bolavip Brasil – “Notícias que acendem sua paixão”. É com este slogan que o Bolavip Brasil vem se transformando, todos os dias, no portal mais especializado do país em notícias a respeito do dia a dia dos maiores clubes do futebol brasileiro. A paixão pelas massas move todo o editorial do site. Além do futebol, o site também traz ao público matérias sobre as principais modalidades do esporte, apostas, Poker e entretenimento, com ênfase em reality shows e novelas.

O proprietário do Bolavip Brasil é a empresa Better Collective. A Better Collective é um grupo global de mídia de apostas esportivas que fornece plataformas que capacitam e aprimoram a experiência de apostas para fãs de esportes e iGamers.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui