Brasil dá início nesta quarta-feira contra Sérvia à sua trajetória rumo ao hexa em copas do mundo

33

Thiago Silva diz estar aproveitando sua melhor versão

A Seleção Brasileira encerrou nesta quarta-feira a preparação para a estreia na Copa do Mundo Fifa Qatar 2022. No Grand Hamad Stadium, o time fez o último treinamento antes da partida contra a Sérvia, jogo marcado para esta quinta-feira (24), no Lusail Stadium. O confronto marca o primeiro jogo do Brasil na busca pelo sonho do hexacampeonato.

Antes da atividade no Grand Hamad Stadium, o zagueiro Thiago Silva e o técnico Tite participaram de entrevista coletiva no Centro de Mídia da FIFA em Doha. O defensor foi o escolhido para ser o capitão brasileiro neste primeiro jogo da Copa do Mundo.

Aos 38 anos de idade, Thiago Silva se prepara para o seu quarto Mundial. É o segundo jogador mais experiente do elenco, atrás apenas de Dani Alves, que disputará a sua terceira Copa do Mundo.

Treino da Seleção Brasileira no centro de treinamento em Doha. Thiago SilvaFala, capitão – Aos 38 anos de idade, Thiago Silva se prepara para defender a Seleção Brasileira pela quarta Copa do Mundo. Escolhido como capitão da equipe para enfrentar a Sérvia, o defensor disse que vive um dos melhores momentos da sua carreira e que está preparado para o desafio de mais um Mundial.

“Hoje eu sou um cara mais preparado. Às vezes você precisa bater a cara na parede para aprender. Não adianta o professor explicar. Você precisa arranhar a cara para aprender. Sou um cara hoje melhor preparado para esse momento. Estou super tranquilo, à vontade e com a confiança de todos. Isso demonstra quão respeito sou com eles. Esse respeito também é de lá para cá. Estou aproveitando essa minha melhor versão possível, meu melhor Thiago Silva, um dos melhores momentos da minha carreira. E também a minha família porque nesse momento eles me dão uma grande ajuda”, revelou.

Com 109 jogos pela Seleção Brasileira, Thiago Silva é o segundo jogador mais experiente do elenco, um ano mais jovem que Daniel Alves, de 39 anos. Jogador com maior número de Mundiais da equipe brasileira, o jogador sabe da importância que possui e da liderança que exerce sobre o grupo.

“Sempre estive preparado para todas as situações. É um momento especial e eu agradeço a confiança da comissão técnica para ter a capitania nesse jogo. É uma competição de tiro curto e a gente tem de estar preparado. Sei da dificuldade que é empatar o primeiro jogo e depois chegar no segundo jogo com uma pressão extra. Primeiro jogo tem esse nervosismo, mas estamos preparados para tudo isso para fazer uma grande estreia”, avaliou.

A estreia da Seleção Brasilira está marcada para esta quinta-feira (24), às 16 horas (horário de Brasília), no Lusail Stadium, em Doha. O Brasil está no grupo G ao lado da Sérvia, Suíça e Camarões.

(Com informações da CBF e fotos de Lucas Figueiredo)

.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui