Encceja 2022: estudantes poderão se inscrever a partir do dia 24 de maio

0
147

A aplicação para as provas do ensino fundamental e médio será no dia 28 de agosto

Estudantes que não concluíram o ensino médio e fundamental na idade adequada e que desejam concluí-los podem se inscrever no Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja) 2022. Foi divulgado na manhã de hoje (16) o edital do exame pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), autarquia responsável pela prova.

Conforme divulgado, as inscrições iniciam a partir de 24 de maio e seguem até 4 de junho. Durante o mesmo período, os atendimentos especializados deverão ser solicitados. As cidades de aplicação do Encceja 2022 serão disponibilizadas no sistema do exame e no portal do Inep.

Para se inscrever, o estudante precisa ter, no mínimo, 15 anos completos para o ensino fundamental e, no mínimo, 18 anos completos no caso do ensino médio, na data de realização do exame. O Encceja afere competências, habilidades e saberes de jovens e adultos que não concluíram o ensino fundamental ou médio na idade adequada.

A aplicação para o ensino fundamental e médio será no dia 28 de agosto e ocorrerá em todos os estados e no Distrito Federal. Na edição deste ano, não haverá necessidade de justificativa de ausência para quem se inscreveu e faltou ao Encceja 2020. Também não será necessário o pagamento da taxa de ressarcimento para os ausentes no ano passado que vão fazer as provas novamente.

De acordo com o Inep, a medida foi tomada tendo em vista o contexto da pandemia de covid-19 que envolveu a realização da última edição. Apesar disso, se quiser fazer nova inscrição na próxima edição do exame, o participante que não comparecer à aplicação de todas as áreas do conhecimento em que se inscrever para o Encceja 2022 deverá justificar a ausência.

Para os estudantes que desejam se preparar para a prova, no site do Ministério da Educação (MEC) é possível encontrar materiais de estudos, provas, gabaritos e resultados das últimas edições. Além disso, diversos conteúdos podem ser encontrados na internet, como no site do Educa Mais Brasil, que tem diversas abas com materiais e conteúdos gratuitos que pode ajudar os inscritos na hora de se preparar para o exame.

(Agência Educa Mais Brasil)

Compartilhe
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação