Caixa antecipa crédito da segunda parcela de auxílio emergencial

0
264

Auxílio Emergencial ganha versão com novas funcionalidades 

 Desde o dia 9 de abril, quando teve início o pagamento do Auxílio Emergencial do governo federal, a Caixa já creditou mais de R$ 16,3 bilhões para 24,2 milhões de brasileiros. O banco, agente pagador do auxílio, está realizando a maior operação de bancarização da história do Brasil, tendo aberto até esta data (20) mais de 10 milhões de contas Poupança Social Digital, gratuitamente.

Até às 16 horas desta segunda-feira (20), 42,2 milhões de cidadãos já se cadastraram para recebimento do benefício. O site auxilio.caixa.gov.br superou a marca de 275,1 milhões de visitas e a central exclusiva 111 registrou  49,6 milhões de ligações. O aplicativo CAIXA | Auxílio Emergencial foi baixado mais de 50 milhões de vezes.

Antecipaão – A Caixa antecipa o crédito da parcela 2 para os beneficiários elegíveis do Cadastro Único e para os que se inscreveram no aplicativo ou no site auxilio.caixa.gov.br. Confira:

Brasileiros inscritos no Cadastro Único e inscritos pelo aplicativo e site que já receberam a parcela 1:

Quinta-feira (23):

  • Nascidos em janeiro e fevereiro

Sexta-feira (24):

  • Nascidos em março e abril

Sábado (25):

  • Nascidos em maio e junho

Segunda-feira (27):

  • Nascidos em julho e agosto

Terça-feira (28):

  • Nascidos em setembro e outubro

Quarta-feira (29):

  • Nascidos em novembro e dezembro

Análise de elegibilidade – A lei 13.982/2020 estabelece os critérios de quem tem direito a receber o Auxílio Emergencial. Todos os requisitos previstos nessa legislação devem ser observados para ter direito ao recebimento do benefício.

A Caixa disponibiliza o aplicativo e o site para cadastramento e acompanhamento das solicitações do auxílio. As informações coletadas por estes canais são enviadas à Dataprev para avaliação dos requisitos previstos na lei.

A Dataprev é responsável por verificar e informar à Caixa os cidadãos elegíveis e o valor do benefício, bem como informar os inelegíveis e o motivo da não aprovação. Após concluído o processo de análise, que tem sido feito em lotes de milhões de inscritos, as informações são homologadas pelo Ministério da Cidadania e encaminhadas ao banco, que, então, realiza o pagamento aos aprovados.

Vale lembrar que, para aqueles que recebem o Bolsa Família, a avaliação de elegibilidade é automática. Quem tiver o direito, receberá o crédito do auxílio no mesmo calendário e forma do benefício regular. Os cidadãos inscritos no CadÚnico até 20/03/2020 que cumprem os requisitos legais, não fazem parte do Bolsa Família e têm conta poupança na CAIXA ou no Banco do Brasil, recebem o crédito de forma automática. No caso daqueles sem conta, o crédito é feito na Poupança Social Digital da Caixa.

Pagamento do Bolsa Família – Até 30/04, serão liberados mais R$ 12 bilhões em Auxílio Emergencial para beneficiários do Bolsa Família conforme calendário abaixo:

Segunda-feira (20):

  • 1.923.492 pessoas – NIS final 3  (1.357.623 famílias)

Quarta-feira (22):

  • 1.924.261 pessoas – NIS final 4  (1.358.166 famílias)

Quinta-feira (23):

  • 1.922.522 pessoas – NIS final 5  (1.356.938 famílias)

Sexta-feira (24):

  • 1.919.453 pessoas – NIS final 6 (1.354.772 famílias)

Segunda-feira (27):

  • 1.921.061 pessoas – NIS final 7  (1.355.907 famílias)

Terça-feira (28):

  • 1.917.991 pessoas – NIS final 8 (1.353.741 famílias)

Quarta-feira (29):

  • 1.920.953 pessoas – NIS final 9  (1.355.831 famílias)

Quinta-feira (30):

  • 1.918.047 pessoas – NIS final 0 (1.353.780 famílias)

Mais de 5 milhões de brasileiros receberão na próxima quarta-feira (22) o equivalente a mais de R$ 4,3 bilhões. O lote de beneficiários elegíveis ao auxílio foi enviado no último domingo (19) pela Dataprev e contempla 1,2 milhão de beneficiários do CadÚnico e 4,1 milhões cadastrados via app CAIXA I Auxílio Emergencial e site auxilio.caixa.gov.br.

Compartilhe
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação