Cargill Nutrição Animal apresenta o Programa NutronMilk Transition

0
100

Solução oferece proteção 360 para as vacas em fase de transição

O Brasil está entre os maiores produtores de leite do mundo. Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), em 2019 foram mais de 34 bilhões de litros produzidos. Diante deste cenário, a Cargill Nutrição Animal, apoiando pecuaristas para que alcancem resultados ainda mais expressivos na produção leiteira, desenvolveu o Programa NutronMilk Transition, com soluções, ferramentas e suporte de uma equipe técnica preparada para entregar ainda mais inovação para os cuidados na fase de transição.

“Com este programa, queremos incentivar um olhar na fazenda de forma mais holística, nos preocupando com todas as fases de produção. E contamos com a ajuda de parceiros, como as fábricas de ração e lojas agropecuárias, para levar ao produtor a tecnologia necessária para preparar os animais para uma nova produção de forma saudável e rentável para o produtor”, afirma Ronald Coulter, Líder Comercial da Cargill Nutron.

Essa é uma etapa importante no sistema de produção, que se bem manejada pode trazer resultados e sucesso ainda mais proeminentes no pico e demais dias de lactação. “Pré e pós-parto bem manejados possibilitam que a vaca tenha mais saúde ao parir e em toda a lactação. Iniciar a fase do pós-parto com elevado consumo de alimentos e adequado balanço nutricional é primordial para a saúde do animal. Caso isso não aconteça, o produtor terá um rebanho com baixa performance produtiva e reprodutiva, além de sérios prejuízos na lucratividade do seu negócio. Por isso que dizemos que a transição é o arranque e a garantia do sucesso para os 305 dias de lactação da vaca”, explica o Consultor Técnico Nacional da Cargill Nutron, Diego Langwinski.

O Programa NutronMilk Transition oferece proteção 360, com a cobertura de todas as possibilidades para que haja como reflexo uma lactação segura e rentável:prevenindo retenção da placenta, contribuindo na redução do balanço energético negativo, na perda de peso, redução do balanço negativo do cálcio, e outros desafios da produção leiteira.

O Programa NutronMilk Transition conta com ampla e acessível gama de soluções, entre produtos, know-how e ferramentas que foram desenvolvidos para que o pecuarista obtenha resultados positivos, de forma a impactar consideravelmente em sua produção do leite, mas ao mesmo tempo mantendo um rebanho ainda mais saudável, minimizando os possíveis sofrimentos após o parto. “Evitar que a vaca adoeça e as consequências negativas que isso pode trazer ao produtor é um de nossos objetivos”, complementa.

Na fase de transição, a preocupação vai além da alimentação. O uso de suplementos estrategicamente bem pensados é o que diferenciará no quesito saúde. Junto ao pré e pós-parto muitas doenças e condições podem reduzir a imunidade dos animais. E a observação do rebanho é a chave do sucesso. Mas, mesmo assim, a prevenção pode auxiliar na redução do risco de problemas como metrite, mastite, hipocalcemia, entre tantos outros, e isso será possível se houver um manejo de qualidade durante a transição.

“Com manejo adequado, soluções inovadoras, instalações adequadas, ferramentas e dietas bem formuladas, podemos fazer com que uma vaca chegue ao pico de lactação produzindo 3-5 litros a mais, o que significa aproximadamente 1000-1500 litros de leite a mais na lactação total”, explica o Consultor.

Compartilhe
Aquiles Emir
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação