Carpegiani assume como técnico do Flamengo após a desistência Reinaldo Rueda

0
612

O novo técnico do Flamengo, Paulo César Carpegiani, esteve nesta terça-feira (09) no Centro de Treinamento George Helal, onde conheceu todos os membros da comissão técnica com quem irá trabalhar em 2018, alguns jogadores que já se apresentaram e concedeu entrevista coletiva para a imprensa.

Esta é a terceira passagem de Carpegiani no comando do Flamengo. A primeira, em 1981, terminou apenas em 82, com o estadual de 81, o bicampeonato brasileiro em 82, além da Libertadores da América e do Mundial Interclubes. Em 2000, ele voltou a trabalhar na Gávea, mas saiu durante o Campeonato Estadual.

O novo treinador assume o time após a saída de Reinaldo Rueda, e terá o elenco completo apenas na próxima semana, quando todos que estão de férias chegarem.

Ao lado de seu filho, Rodrigo Carpegiani, também auxiliar-técnico que chega ao time, e do Diretor Executivo Rodrigo Caetano, o técnico começou o trajeto pelas instalações internas, academia, escritórios e todos os campos. Depois, teve seu primeiro contato com a comissão técnica que já trabalhava com os jogadores que voltaram das férias antes do resto do elenco.

Após o tour, Carpegiani se encontrou com o presidente do Flamengo, Eduardo Bandeira de Mello, e o CEO Fred Luz, em reunião na sala da diretoria. Em seguida, deu entrevista exclusiva para a FlaTV, antes de atender a imprensa geral. Confira alguns pontos ditos na coletiva:
Volta ao Flamengo – “Satisfação muito grande retornar. Me sinto muito tranquilo. Sei o que   representa o Flamengo da minha época, hoje e sempre. Me sinto muito à vontade para desenvolver um trabalho”.
“Sou o treinador, mas temos um projeto. Vamos dar prosseguimento, que é tentar fazer uma unificação de todas categorias. Teoricamente é fácil. Precisamos fazer na prática. Vou participar das reuniões.
“A torcida pode ficar tranquila. Temos o lema de que craque o Flamengo faz em casa. Eu vivi isso. Sei o que é isso. O que marca uma equipe, ou um jogador na história são títulos. E é isso que vamos buscar, marcar o nome na história”
“Falar é fácil. Temos é que demonstrar o futebol em campo. O apoio da torcida só teremos mostrando bom futebol. Tenho muita confiança no que essa equipe pode render. Títulos serão uma consequência do nosso futebol”.
(Do Flamengo)
Compartilhe
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação