Castelão vira Frei Epifânio e Imperatriz garante sua permanência na Série D ao golear o Moto

0
638

AQUILES EMIR

O Imperatriz não se deixou intimida pela pressão da torcida do Moto no Estádio Castelão, tampouco jogou pela vantagem do empate por ter vencido a partida de ida, sábado passado (16) e aplicou uma goleada de 4 a 2 no Moto Club, garantindo sua permanência na Série D do Campeonato Brasileiro. O time, que parecia estar em seus próprios domínios ao vencer o representante da capital, agora vai disputar as quartas de final e se passar estará na Série C de 2019.

No o jogo de ida, o Imperatriz venceu por 2 a 1 e trouxe para São Luís a vantagem do empate ou até mesmo de uma derrota por 1 a 0 para decidir a vaga as cobranças de pênaltis, porém no placar agregado ficou com 6 a 3.

Nas quartas de finais, o time de melhor campanha somando todas as etapas encara o oitavo; o segundo pega o sétimo, e assim por diante. Os locais e horários dessa nova fase serão divulgados pela CBF na próxima terça-feira.

O jogo – Os dois times buscaram desde o início espaço para chegar com perigo ao gol adversário e quem abriu o placar foi o Moto Club, aos 18 minutos, como Ramon, que recebeu na área e de chapa, só completou para o fundo das redes, mas no lance seguinte, o Imperatriz empatou com Cloves.

Depois do empate o time visitante partiu para cima e aos 33 minutos, o zagueiro André Penalva virou o placar e aos 38, Júnior Chicão ampliou. O centroavante aproveitou um cruzamento de Kaká e testou firme para o gol. Antes do intervalo, o Moto descontou com Val Barreto, diminuindo para 3 a 2.

Na volta do intervalo, depois de muita intensidade no primeiro tempo, a segunda etapa começou em um ritmo menor. Enquanto o time mandante se lançava no ataque em busca do empate, o Imperatriz tentava responder em jogadas pela ponta mas pouco assustava. Mas aos 12 minutos, em um desses lances, Renan encontrou Kaká na área que marcou o quarto gol do time visitante e praticamente deu número finais a vitória.

Depois disso, o Imperatriz manteve o controle do jogo. Em uma boa troca de passes no ataque, para segurar a bola longe de sua meta, o time visitante esperou o apito final para comemorar a classificação. Até por conta disso, a partida terminou mesmo com o placar de 4 a 2.

Ficha técnica:

  • Local: Estádio Castelão, São Luís – MA
  • Público: 4.783 pagantes (5.305 total)
  • Renda: R$ 75.200,00
  • Gols – Moto Club-MA: Ramón 18′ 1T, Val Barreto 47′ 1T; Imperatriz-MA: Cloves 19′ 1T, André Penalva 33′ 1T, Júnior Chicão 38′ 1T, Kaká 12′ 2T
  • Moto Club-MA – Rodrigo Ramos; Diego Renan, Betão, Ramon e Chico Bala;  Sandro Bacanal (Rayro), Márcio Diogo (Shailison), Doda e Everlan (Jardelson Azul); Ricardo Maranhão e Val Barreto. Técnico: Luís Miguel.
  • Imperatriz-MA – Jean; Gabriel, André Penalva (Anderson), Maycon e Renan Luis;  Cloves, Daniel Barros e Eloir; Kaká, Kanu (Adauto) e Júnior Chicão (Zé Neto). Técnico: Marcinho Guerreiro.

(Com dados do Futebol do Interior e foto de Lucas Almeida)

Compartilhe
Aquiles Emir
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação