CDL de São Luís pede que Governo do Estado autorize volta do horário comercial para às 08h

0
237

Medida visa a evitar aglomerações nas compras para o Dia das Mães

A Câmara de Dirigentes Lojistas de São Luís (CDL) encaminhou à Secretaria de Estado da Indústria, Comércio e Energia (Seinc) solicitação para que o horário de abertura do comércio da capital maranhense retorne para as 08h. Atualmente, por determinação do Governo do Estado, o funcionamento é a partir das 09h.

No ofício dirigido ao secretário Simplício Araújo, o presidente da CDL São Luís, Fábio Ribeiro,  argumenta que, com a ampliação, os consumidores terão mais tempo disponível para fazer compras, o que contribui para evitar aglomerações.

A entidade lembra que, tradicionalmente, o período que antecede ao Dia das Mães provoca maior fluxo de consumidores nos centros comerciais, sendo, portanto, indispensável criar condições que favoreçam o atendimento com mais segurança sanitária.

Fábio Ribeiro lembra que o varejo tem registrado uma diminuição média de 70% nas vendas e há grande expectativa dos lojistas pelo aumento das vendas nos próximos dias.

“No ano passado, em cumprimento ao decreto estadual, o comércio lojista considerado não essencial estava com funcionamento suspenso neste período, o que provocou queda de 91,1% nas vendas do Dia das Mães, comparado com 2019. Agora as lojas estão seguindo os protocolos sanitários e com o horário ampliado é possível atender à demanda de clientes, que vai aumentar não somente em função do Dia das Mães, mas também da antecipação da primeira parcela do 13º salário nas próximas semanas”, explica.

De acordo com pesquisa feita pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil), 77% dos consumidores brasileiros devem realizar pelo menos uma compra no período, e com a possibilidade do aumento do movimento de clientes aos centros comerciais, a CDL São Luís está reforçando junto aos lojistas as recomendações de cumprimento dos protocolos sanitário, como uso obrigatório de máscara, higienização frequente dos ambientes, respeito às regras de distanciamento para evitar aglomerações e disponibilização de álcool gel aos clientes e funcionários, entre outras medidas.

Compartilhe
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação