Ceprama volta a ser palco do Baile dos Blocos Alternativos e de Trios Elétricos

69

Abertura do Carnaval ficará para a história

O Centro de Comercialização de Produtos Artesanais do Maranhão (Ceprama) na Madre Deus volta a ser palco de festas carnavalescas. A Secretaria Estadual do Turismo (Setur), em parceria com a Secretaria da Cultura (Secma), traz no dia 16 de fevereiro (quinta-feira), o Baile dos Blocos Alternativos de Trio, e terá entrada gratuita.

Os blocos participantes serão: Jegue Folia, Bicho Terra, Máquina de Descascar Alho, Confraria do Copo, O Bloco do Reggae, Bloco Sou do Povão, Bloco 24 por 48, Bloco do Azedinho, Sambaceuma, Bloco tô com Jhon, Mara Bloco, Bloco Mixiricu, Blocão do Nina, Blocão do SDS, Bloco Sem Limite, Vagabundos do Jegue, Blocão Vamu di Samba, e outros.

Segundo o secretário de Estado do Turismo, Paulo Matos, a abertura do Carnaval ficará para a história. “O Ceprama está rememorando seus áureos tempos. Dia 16 de fevereiro será a abertura do Carnaval com os blocos alternativos e você, folião que gosta de alegria e folia, é o nosso convidado especial. É o Maranhão ensinando ao Brasil como se faz grandes festas. Tivemos ano passado o maior São João do Brasil e, agora, o governador Carlos Brandão anunciou que teremos o maior Carnaval da história do Maranhão”, afirma o gestor.

O Ceprama é um espaço de diversidades que impera a história do Maranhão com a sua cultura, arte e folclore, um local de confraternização e muita alegria.

“Abrir as portas do Ceprama para a realização desse evento é muito importante, pois ele faz parte do bairro da Madre Deus, um bairro boêmio, carnavalesco e junino. Será um momento em que teremos a oportunidade de ver grandes blocos e composições. E eu não tenho dúvidas de que será uma festa muito bonita”, conta o diretor do Ceprama, Jorge Beckman.

O produtor do bloco alternativo Renato Dionísio falou da emoção que a retomada da folia traz aos maranhenses que vivem da cultura e convida todos os brasileiros para a programação momesca.

“A abertura no Ceprama nos traz a emoção da retomada da tradição do carnaval maranhense. Os blocos alternativos sempre fazem a alegria dos foliões que gostam de carnaval de rua, agradeço aos secretários de turismo, Paulo Matos e o de Cultura, Yuri Arruda que abraçaram a ideia da volta do nosso baile”, afirmou Renato Dionísio, produtor cultural.

“Tivemos um ano desafiador, uma retomada de todos os setores após uma crise grave de pandemia de Covid-19, mas não podíamos deixar de celebrar as vitórias e conquistas alcançadas. Por isso, convidamos toda a população a estar com a gente para comemorar com alegria o carnaval maranhense”, disse o secretário de Estado da Cultura, Yuri Arruda.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui