Chanceler da França diz que Macron vem ao Brasil ainda este ano e queremos participar do Fundo Amazônia

55

Presidente francês quer colaborar com Fundo Amazônia

Em visita a Brasília, ministra francesa encontrou Lula, Marina Silva e Mauro Vieira em um movimento para reaproximar os dois países. Segundo a autoridade, tanto Paris quanto a União Europeia estão estudando colaborar com Fundo Amazônia.

Nesta quarta-feira (08), a ministra de Negócios Estrangeiros francesa, Catherine Colonna, encontrou com presidente, Luiz Inácio Lula da Silva e com o chanceler brasileiro, Mauro Vieira, para reaquecer os laços entre Brasil e França após incompatibilidades entre Paris e Brasília na gestão de Jair Bolsonaro.

Colonna disse que o presidente, Emmanuel Macron, participará da reunião de cúpula dos países amazônicos, que acontecerá no Brasil ainda neste semestre, e terá, em seguida, um encontro bilateral com Lula, segundo o jornal O Globo.

“O presidente Macron está muito feliz em vir ao Brasil. Agora a questão é procurar a melhor data”, afirmou a autoridade francesa.

Vieira e Colonna também dialogaram sobre o acordo de livre comércio entre Mercosul e União Europeia. Segundo um comunicado emitido pela pasta após o encontro, em 2022, o comércio bilateral atingiu US$ 8,4 bilhões (R$ 46,6 bilhões), com aumento de 16% em relação a 2021. Em termos de investimento, o Brasil é hoje o segundo principal destino dos investimentos franceses entre os chamados países emergentes.

“Informei [à ministra] que estamos finalizando o exame do conteúdo do acordo e que iríamos conversar depois disso com nossos parceiros do Mercosul e discutir com a UE, para tentarmos concluir dentro dos prazos declarados pelo presidente Lula. Mencionamos no nosso encontro as necessidades de cada lado, como algum compromisso [do Mercosul] com relação à questão climática, o que será muito facilitado pela política adotada por Lula para o meio ambiente”, disse o chanceler brasileiro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui