Cinco equipes avançam na Copa do Brasil após a rodada desta quarta-feira

0
559

Cinco equipes garantiram classificação às quartas de final da Copa do Brasil 2017 nesta quarta-feira (31): Atlético Mineiro, Botafogo, Palmeiras, Grêmio de Porto Alegre e Atlético Paranaense.

No Independência, em Belo Horizonte (MG), o jogo foi bem disputado. O primeiro tempo teve chances para os dois lados, mas, aos 40 minutos, o Atlético foi quem abriu o placar com um belo gol olímpico de Otero, que cobrou escanteio fechado pela esquerda. Três minutos depois, Robson mostrou que o Paraná não havia desistido e acertou a trave em cobrança de falta. Na etapa final, o duelo continuou aberto, com oportunidades para os dois lados. O Galo conseguiu aproveitar melhor e, aos 21, Cazares lançou e Fred, com um lindo toque por cobertura, deu números finais ao jogo e garantiu a classificação atleticana.

Na Ilha do Retiro, no Recife (PE), o Botafogo conseguiu aumentar a vantagem que já tinha pela vitória na ida logo aos 11 minutos. João Paulo deu ótimo passe para Roger. O atacante driblou Matheus Ferraz e, com muita categoria, tocou por cima de Magrão. Precisando do resultado, o Sport foi para cima do Glorioso em busca do empate e conseguiu já no segundo tempo. Aos 22, Fabrício cobrou escanteio, Durval subiu bem e deixou tudo igual. O Rubro-Negro partiu com tudo para o ataque, mas não conseguiu a virada e a vaga ficou com o time carioca.

No Beira-Rio, em Porto Alegre (RS), o Internacional aproveitou o apoio da torcida e foi para cima do Palmeiras. Logo aos oito minutos, Edenílson roubou bola no meio e passou para D’Alessandro. O argentino bateu no canto direito de Fernando Prass e abriu o placar. O Colorado seguiu no ataque e, já no segundo tempo, aos dez, Edenílson serviu D’Alessandro, que lançou William. O lateral cruzou no chão para Nico López finalizar. A bola ainda bateu no arqueiro alviverde antes de entrar para ampliar o marcador. O placar era o necessário para o time gaúcho avançar, mas o Verdão não se entregou e, aos 34 minutos, marcou o gol que garantiu a vaga nas quartas de final. Jean cobrou falta, Thiago Santos dividiu com Danilo Silva e balançou a rede.

Nas partidas iniciadas às 19h25, Atlético do Paraná e Grêmio avançaram às quartas de final da Copa do Brasil 2017 na noite desta quarta-feira (31). Após 0 a 0 na ida das oitavas, o Furacão recebeu o Santa Cruz-PE e venceu por 2 a 0 para garantir a vaga. Já o Imortal, que havia vencido o primeiro confronto por 3 a 1, não quis saber da vantagem e bateu o Fluminense-RJ pelo mesmo placar do triunfo paranaense. Os dois clubes vão conhecer seus respectivos adversários em sorteio.

Na Arena da Baixada, em Curitiba (PR), o Atlético-PR precisou de apenas cinco minutos de bola rolando para abrir o placar. Após boa troca de passes, o Nikão recebeu na esquerda e bateu rasteiro para superar o goleiro Júlio César. Na etapa final, o jogo ficou bem aberto. O Santa Cruz quase empatou aos dois minutos, com chute de Halef Pitbull que passou muito perto do gol de Weverton. No lance seguinte, a resposta do Furacão veio com Grafite, que parou em grande defesa de Júlio César com o pé. Aos sete, André Luís arriscou de longe e quase empatou para o Tricolor pernambucano. Na marca dos 23 minutos, Lucho González aproveitou a sobra após chute de Douglas Coutinho para marcar o segundo do Atlético e garantir a classificação paranaense.

No Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ), o Grêmio não quis saber da vantagem e partiu para cima do Fluminense. Logo aos quatro minutos, Nogueira fez falta dura no meio e foi expulso. O Imortal continuou pressionando e, com um a mais, passou a ter ainda mais liberdade. Aos 17 minutos, Barrios ajeitou e Luan bateu de longe, no ângulo de Diego Cavalieri, para marcar um golaço e abrir o placar. O clube gaúcho matou o jogo ainda no primeiro tempo. Na marca dos 28, em contra-ataque, Léo Moura deu ótimo lançamento para Pedro Rocha. Pelo meio, o atacante arrancou, driblou Cavalieri e garantiu a classificação gremista com o 2 a 0.

(Com dados da CBF)

Compartilhe
Aquiles Emir
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação