Ciro Gomes insinua que Jair Bolsonaro mente e usa atestado médico falso para não ir ao debate

0
1023

Ao participar nesta quarta-feira (03), de evento de campanha em São Paulo, o candidato a presidente pelo PDT, Ciro Gomes, insinuou que Jair Bolsonaro (PSL) está usando “atestado médico falso” para justificar sua ausência no debate da Rede Globo, nesta quinta (04). Ciro desafiou o adversário a ir ao debate porque lá “vou tirar a sua máscara”.

Jair Bolsonaro recebeu nesta terça-feira o médico Antônio Macedo, que o assistiu no Albert Einstein, na sua residência no Rio de Janeiro, e foi desaconselhado a ir ao debate.

“Depois da nossa avaliação clínica, nós contra-indicamos participação em debates ou em qualquer atividade que pudesse cansá-lo ou que o obrigasse a falar por mais de 10 minutos. Por que isso? Recentemente, ele foi submetido a duas cirurgias de grande porte. Uma em Juiz de Fora para salvar a vida dele. E outra para corrigir uma obstrução intestinal gravíssima que ele teve”, informou o cirurgião.

Apesar das declarações do médico, Ciro está cético quanto à impossibilidade de Bolsonaro participar do encontro. “Você não pode deixar de ir ao debate. Você está mentindo, e atestado médico falso é crime”, afirmou. “Vá ao debate da Globo que eu vou mostrar que você é uma cédula de R$ 3”, disse.

Do outro lado, a campanha de Bolsonaro avalia transferir o horário das transmissões que vêm sendo feitas ao vivo pela página no Facebook do candidato das 20h40 para 22h (de Brasília), mesmo horário previsto para o início do debate da Globo. O objetivo seria apresentar as propostas do candidato e competir com o debate televisionado – e não comentar o programa.

(Com dados do Infomoney)

Compartilhe
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação