Com derrota para Fluminense, Corinthians dá adeus ao título de campeão brasileiro

20

Noutro duelo de cariocas e paulista, Botafogo bate Bragantino

No confronto de cariocas e paulistas na noites desta quarta-feira (26) pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro, melhor para os times do Rio de Janeiro (RJ). O Corinthians viu cair a invencibilidade de cinco jogos ao perder para o Fluminense por 2 a 0 na noite desta quarta-feira (26), na Neo Química Arena, e o Botafogo bateu o Red Bull Bragantino.

Com a derrota, o Timão terminou o dia na quinta posição, com 57 pontos e já não pode mais alcançar o líder Palmeiras, com 74. e o Fluminense, por sua vez, acabou subindo para a quarta posição. O Corinthians começou perdendo Gustavo Mosquito com um minuto de jogo depois que dividiu com Calegari, mas levou a pior e precisou deixar o campo. Mais tarde, o time paulista também perdeu Renato Augusto, também lesionado.

O Fluminense aproveitou os problemas do Corinthians e abriu o placar aos 11 minutos. Após cobrança de escanteio, Yago Felipe desviou, a bola bateu em Fagner e sobrou na medida para Cano. O artilheiro não perdoou e mandou para o fundo das redes.

No segundo tempo, o Fluminense voltou melhor e aos 24 minutos, Calegari recebeu de Yago Felipe e cruzou para Cano. O atacante pegou de primeira para fazer 2 a 0. Depois acabou com câimbras e pediu para deixar o campo.

O Corinthians volta a campo no sábado, às 19h30, para enfrentar o Goiás, no Serrinha, em Goiânia (GO), em jogo atrasado da 32ª rodada. Já o Fluminense joga na segunda-feira, às 20h, frente ao Ceará, na Arena Castelão, em Fortaleza (CE).

Botafogo – O Bragantino lutou, mas perdeu para o Botafogo por 2 a 1 na noite desta quarta-feira (26), no estádio Nilton Santos, pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro.
Com o resultado, o Botafogo se colocou perto da zona de Libertadores e chegou aos 47 pontos e Red Bull Bragantino, com 41, correndo riscos de ficar fora da zona de Sul-Americana.

Aos 17 minutos, não teve jeito. Após cobrança de escanteio de Marçal, Víctor Cuesta colocou Cleiton para trabalhar. Na sobra, Tiquinho jogou na trave. A bola ainda voltou para Gabriel Pires, que colocou a bola no fundo das redes.

No segundo tempo, aos 16 minutos, Adryelson falhou e a bola sobrou para Luan Cândido. O lateral chutou no contrapé de Gatito para empatar, mas, aos 25 minutos, Patrick de Paula colocou a bola para Júnior Santos, que ajeitou para Tchê Tchê. O volante chutou com força para fazer o seu primeiro gol com a camisa alvinegra e confirmar a vitória do Botafogo.

O Botafogo volta a campo na terça-feira (1º), às 19h, diante do Cuiabá, no Engenhão, no Rio de Janeiro (RJ). Na quarta (2), o Red Bull Bragantino visita o Avaí, às 19h, na Ressacada, em Florianópolis (SC).

(Com informações da FPF e foto

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui