Com gol impedido de Romero, Corinthians vence Palmeiras e se distancia na liderança da Série A

0
1363

O primeiro gol foi marcado por uma polêmica da arbitragem

O Campeonato Brasileiro ficou mais emocionante neste domingo (05) depois que o líder Corinthians, que recebeu o Palmeiras em sua arena, reencontrou o caminha das vitórias, e  venceu por 3 a 2. O primeiro gol foi marcado por uma polêmica, pois o atacante Romero estava em posição de impedimento, mas o juiz deu prosseguimento à jogada que abriu o mercador.

Na Arena Corinthians, o time da casa marcou três vezes só no primeiro tempo. Aos 27 minutos, Rodriguinho bateu cruzado para Romero, na pequena área pelo lado direito, marcar o primeiro. Dois minutos depois, após cobrança de escanteio de Clayson, a bola sobrou para Balbuena fazer o segundo do Timão.

O Palmeiras descontou aos 34 minutos, com Mina. Depois, aos 37, Jô fez o terceiro do Corinthians, de pênalti. No segundo tempo, o Verdão ainda descontou com Moisés, aos 22 minutos, mas não conseguiu reverter o placar. Líder, o Corinthians agora tem 62 pontos, enquanto o Palmeiras, com 54, ocupa o quarto lugar.

Na Arena Grêmio, em Porto Alegre (RS), o Flamengo saiu na frente no primeiro minuto da etapa complementar. Éverton Ribeiro iniciou a jogada pelo meio, abriu para Everton e recebeu cruzamento de volta para mandar de cabeça: 1 a 0. Aos 24, um minuto após entrar em campo, Everton aproveitou a bola tocada na área para deixar tudo igual para o Grêmio. Dois minutos depois, a zaga rubro-negra falhou no corte, e Everton apareceu novamente para virar para o time gaúcho.

Aos 36, Beto da Silva roubou a bola pela direita e bateu cruzado para Luan, livre na segunda trave, fechar o placar: 3 a 1. Com 54 pontos, o Tricolor Gaúcho assumiu o terceiro lugar da tabela, enquanto o Flamengo, com 47, permanece na sétima posição.

No Mineirão, em Belo Horizonte (MG), o confronto foi entre Cruzeiro e Atlético-PR, com vitória por 1 a 0 para o time da casa. O único gol da partida saiu aos 40 minutos do primeiro tempo. Arrascaeta recebeu pela esquerda, se livrou da marcação e bateu com categoria, sem chances para o goleiro Weverton. Com 51 pontos, a Raposa segue na quinta posição. O Furacão, com 42, desceu para o 11º lugar.

(Com dados da CBF e imagem do 90mm)

Compartilhe
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação