Com Imperatriz e Sampaio como representantes do Maranhão, Copinha é lançada nesta quinta-feira em São Paulo

37

Competição será realizada no mês de janeiro 

Maior campeonato de base do Mundo, a Copa São Paulo de Futebol Júnior de 2023 foi lançada na tarde desta quinta-feira (03), a Copa São Paulo de Futebol Júnior, mais conhecida como Copinha. O Maranhão tem dois representantes,  o Imperatriz, da cidade do mesmo nome, e Sampaio Corrêa,  da capital.

Com início no dia 02 de janeiro de 2023 e decisão em 25 do mesmo mês, danta do aniversário da cidade de São Paulo, a 53ª edição da Copinha mantém as bases dos últimos anos. Com 128 times divididos em 32 sedes, campeões e vice dos grupos se classificam às fases seguintes, disputadas em mata-mata.

Ao todo, serão 255 jogos, todos transmitidos ao vivo e os 27 estados representados.

O Imperatriz está no Grupo 14, com Fluminense (RJ), Porto Vitória (ES) e Taubaté (SC). Já o Sampaio, divide o Grupo 04 com Atlético de Goiás (GO), Botafogo de Ribeirão Preto (SP) e Itabaiana (SE).

Lançamento – O evento de lançamento teve apresentação de Chico Pedrotti e Bianca Santos, do Canal Desimpedidos, além do ex-meia Ricardinho e do ex-goleiro Fernando Prass, que disputaram a competição por Paraná e Grêmio, respectivamente, na década de 1990.

Reinaldo Carneiro Bastos, presidente da FPF, fez a abertura do evento destacando o caráter democrático da Copinha. “Mais de 60% dos jogadores convocados pelo Tite na Seleção Brasileira jogaram a Copinha e é isso que sonham os 3800 jovens que vão entrar em campo durante a competição. E é possível, por que estarão todos em pé de igualdade, mostrando que o Brasil é um só”, disse Reinaldo.

Cria da Copinha – Destaque do título inédito do Palmeiras na Copa São Paulo de Futebol Júnior do ano passado, Endrick, o mais novo campeão brasileiro da história, recebeu o troféu Cria da Copinha das mãos de Fernando Prass, no encerramento da cerimônia.

(Com informações da FPF)

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui