Corinthians empata com o Vitória no Barradão e Grêmio vence o Goiás no Serra Dourado

0
447

Corinthians e Vitória não saíram do 0 a 0 no jogo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil, no Barradão, em Salvador. O resultado é melhor para o time paulista, que decide a classificação em casa. Como não há mais a regra do gol qualificado na Copa do Brasil, qualquer empate leva a decisão para os pênaltis na partida de volta, na Arena Corinthians, em data ainda a definir.

Mesmo jogando em casa, o Vitória começou a partida com uma postura mais defensiva, deixando o Corinthians com a posse de bola, mas mantendo a defesa bem postada para evitar uma pressão adversária. O objetivo da equipe baiana era explorar os contragolpes, especialmente na velocidade de Denilson e Neilton, mas os atacantes não conseguiam levar vantagem nas disputas individuais com os marcadores corintianos.

Como o time visitante também não criava muitas chances de gol, e buscava mais controlar a partida trocando passes se perigo, o primeiro tempo se encaminhou para um empate sem gols até o intervalo.

A melhor chance do Corinthians foi em chute de Rodriguinho da entrada da área, que passou raspando a trave direita do goleiro Caíque. O Vitória também assustou em cabeceio para fora do zagueiro Kanu.

A segunda etapa teve um ritmo ainda mais lento. Nos primeiros minutos, o Corinthians dominou a posse de bola e até ameaçou uma pressão, mas não conseguiu evoluir e logo o time da casa equilibrou a partida.

Com as defesas bem postadas e pouca inspiração por parte dos homens de ataque, o jogo teve poucas finalizações, com os goleiro mostrando segurança nos raros lances em que foram exigidos. Fábio Carille tentou deixar o Corinthians mais ofensivo com as entradas de Mateus Vital e Emerson Sheik, mas não conseguiu mudar o jogo, e a partida terminou mesmo com o placar intacto.

Vitória – Nos dois confrontos que abriram as Oitavas de Final da competição, o Grêmio levou a melhor para cima do Goiás e saiu na frente do confronto com a vitória de 2 a 0. No Serra Dourada, em Goiânia (GO), o tricolo gaúcho tomou a iniciativa da partida. Apostando nos contra-ataques, o Goiás se fechou na defesa e não deu brechas para o ataque tricolor.

A dupla Jael e Everton tentaram assustar na primeira etapa, mas não conseguiram superar o goleiro Marcelo Rangel. Na volta do intervalo, porém, o Grêmio precisou de apenas dois minutos para balançar as redes. Everton recebeu de Jael, se livrou da marcação e soltou a bomba para fazer 1 a 0. O Esmeraldino tentou responder aos 15, mas o chute de Robson parou no travessão. Aos 24, Luan bateu pênalti com categoria e decretou o triunfo gremista por 2 a 0.

(Com dados da CBF e da FPF e fotos da Agência Corinthians e Lucas Uebel/Grêmio)

Compartilhe
Aquiles Emir
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação