Domingo dos paulistas: Bragantino avança, Corinthians e São Paulo estacionam e Santos desce a ladeira

0
111
Red Bull Bragantino recebeu e venceu o São Paulo pela 28ª rodada do Brasileirão Assaí (Créditos: Diogo Reis/AGIF)

Peixe não entra em campo, mas tem grande prejuízo 

Neste domingo (24), no estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista, jogando pela 28.ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Bragantino derrotou o São Paulo por 1 a 0. Em outro jogo envolvendo equipe paulista, o Corinthians ficou num empate por 2 a 2 com o Internacional no Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS), porém, mesmo não entrando em campo, o mais prejudicado foi o Santos, que entrou na zona de rebaixamento com a vitória do Bahia sobre a Chapecoense.

O gol da vitória do Bragantino foi marcado por Luan Cândido, de cabeça, aos 11 minutos do segundo tempo. O time agora soma 46 pontos e está em quinto lugar. É a mesma pontuação de Palmeiras e Flamengo, que estão em posições acima porque levam vantagem nos critérios de desempate e têm jogos a menos. Enquanto o Red Bull Bragantino jogou 28 vezes, o Palmeiras atuou 27 e o Flamengo 25.

O São Paulo segue irregular, agora sem Henán Crespo e sob comando de Rogério Ceni. Fica com 34 pontos, em 13.º lugar, numa campanha bem aquém do planejado pela diretoria do atual campeão paulista. Foi a primeira derrota de Ceni no clube, justamente após a grande atuação e vitória no clássico com o Corinthians, por 1 a 0.

O placar foi inaugurado no segundo tempo, logo aos 11 minutos. Após escanteio, Luan Cândido subiu muito bem e cabeceou sem chances de defesa. O São Paulo então foi para o ataque, mas deixou espaços para contra-ataques, quase levando o segundo com Cuello, que acertou a trave.

Como é finalista da Copa Sul-Americana, o Red Bull Bragantino teve um jogo antecipado da 34ª rodada. Assim, quinta-feira (28) vai receber o Sport e na outra segunda-feira (1) vai sair diante do Cuiabá, pela 29ª rodada. O São Paulo terá a semana toda para treinar porque só volta a campo no domingo (31), no Morumbi, diante do Internacional.

No Beira-Rio, Internacional e Corinthians se enfrentaram pela 28ª rodada do Brasileirão Assaí
No Beira-Rio, Internacional e Corinthians se enfrentaram pela 28ª rodada do Brasileirão Assaí (Créditos: Maxi Franzoi/AGIF)

Timão –  O Internacional controlou bem o primeiro tempo e abriu o placar aos oito minutos. Após cruzamento de Patrick, Rodrigo Lindoso cabeceou no chão e Cássio fez grande defesa. No rebote, Lindoso chutou novamente e o goleiro até defendeu, mas a bola já havia ultrapassado a linha. Aos 15 minutos do segundo tempo, o time paulista igualou o placar com Giuliano, que recebeu belo passe de Gabriel Pereira, driblou Marcelo Lomba e completou para o gol.

Logo depois, o Corinthians teve um pênalti a seu favor, pois Róger Guedes foi derrubado por Johnny. Na cobrança, aos 21 minutos, Fábio Santos desloca o goleiro e vira o placar. Aos 30, Renato Augusto finalizou bem para defesa de Lomba. O Inter respondeu com Maurício, que cabeceou dentro da área e exigiu defesa de Cássio em dois tempos.

Já nos acréscimos, porém, o Inter conseguiu o empate. Aos 47, Gustavo Maia limpou bem a marcação, chutou de longe e marcou um golaço. Depois ainda houve confusão que terminou com expulsões de Patrick, do Inter, e Xavier, do Corinthians.

Com o resultado, o Corinthians alcançou 41 pontos e aparece na sétima colocação. O Internacional tem a mesma pontuação, mas em sexto lugar por conta do saldo de gols (7 a 4)

Na 29ª rodada, o Internacional entra em campo no próximo domingo (31), às 18h15, quando visita o São Paulo no Morumbi, em São Paulo (SP). Na segunda-feira seguinte (1), às 21h30, o Corinthians joga em casa, na Neo Química Arena, em São Paulo (SP), diante da Chapecoense.

Na zona – Na Arena Fonte Nova, o Bahia dominou as ações diante da Chapecoense e venceu por 3 a 0. Agora com 31 pontos, o Esquadrão de Aço deixou a zona de rebaixamento e ocupa o 15º lugar na tabela de classificação. O Verdão do Oeste, com 13, permanece na lanterna. O resultado empurrou o Santos para o grupo dos quatro piores, onde estão também Sport, Grêmio e Chapecoense.

Compartilhe
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação