Empresa de Açailândia doa 300 mil metros cúbicos de oxigênio para socorrer Manaus

0
838

Empresa se associou à White Martins maior fabricante de oxigênio do país para socorrer população manauara

AQUILES EMIR

A Aço Verde Brasil, empresa do Grupo Ferroeste, instalada no município de Açailândia, na região tocantina maranhense, se associou a White Martins e doou 300 mil metros cúbicos de oxigênio para socorrer as vítimas de coronavírus em Manaus (AM). Para o presidente do Sindicato da Indústria de Ferro Gusa do Maranhão (Sifema), Cláudio Azevedo, essa é mais uma demonstração de compromisso social dessa empresa, que muito tem contribuído com o desenvolvimento do Maranhão.

“É com muita alegria que comunicamos que a indústria de aço maranhense AVB – Aço Verde Brasil – sediada em Açailândia- Maranhão está doando , 28.000 mil Cilindros de Oxigênio produzidos pela indústria , para a Secretaria de Saúde do Estado do Amazonas .
Com o objetivo de ajudar a salvar vidas de nossos irmãos amazonenses que estao sofrendo muito com a falta de oxigênio em seus Hospitais”, disse Azevedo.

De acordo com o presidente do Sifema, o oxigênio produzido pela AVB é usado para beneficiamento do minério de ferro na transformação em aço, porém decidiu destinar o excedente para esta causa.

O presidente do Conselho Administrativo empresa, Ricardo Nascimento, também se manifestou sobre esta ação. “Estamos muitos felizes com esta parceria que tem como objetivo salvar vidas num momento tão delicado como este que estamos vivendo”, disse ele.

Amazonas – O governador do Amazonas, Wilson Lima, acompanhou, na madrugada deste sábado (16), a chegada de 70 mil metros cúbicos de oxigênio, por meio de balsas, oriundos de Belém (PA). Essa nova remessa vai garantir a retomada do equilíbrio do abastecimento da rede de saúde do estado para os próximos dias e já começou a ser distribuída nas unidades de saúde. O insumo é uma aquisição do Estado por meio da fornecedora White Martins.

“Recebemos nesta madrugada essa carga de 70 mil metros cúbicos da maior fornecedora de oxigênio do Estado (White Martins), e começamos a restabelecer a normalidade da nossa rede estadual de saúde. Algumas dessas carretas já saíram daqui direto para as unidades para fazer esse abastecimento”, disse o governador Wilson Lima.

Os trabalhos dessa força-tarefa seguirão pelos próximos dias, com a chegada de novas remessas de oxigênio. Todo esforço está sendo feito para garantir que as unidades de saúde operem sem dificuldades. “Vamos continuar trabalhando com todos os parceiros e amazonenses para que possamos restabelecer o atendimento e o abastecimento da nossa rede hospitalar, garantindo que as pessoas acometidas por Covid-19 possam ser atendidas”, destacou o governador Wilson Lima.

Wilson Lima ressaltou, ainda, o trabalho do Comitê de Resposta Rápida – Enfrentamento da Covid-19, composto pelos Governos do Estado, Federal e Municipal. A nova remessa, que restabelecerá o abastecimento pelos próximos dias, é fruto dos esforços que vêm sendo realizados desde a semana passada para que não falte oxigênio nas unidades de saúde.

“Nossas equipes estiveram trabalhando praticamente 24 horas com o governo federal, governo municipal e as equipes do interior, do Sirio Libanês, da iniciativa privada. Isso é resultado do esforço em conjunto do povo brasileiro e dos cidadãos amazonenses”, disse.

Compartilhe
Aquiles Emir
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação