Empresário Benedito Mendes, do Grupo BB Mendes, recebe da CNI Medalha do Mérito Industrial

779

Empreendedor se destaca como importante líder empresarial

AQUILES EMIR

O empresário Benedito Bezerra Mendes, presidente do Grupo BB Mendes, recebeu, na noite desta quinta-feira (26), a maior outorga do Sistema Confederação Nacional da Indústria (CNI), a Medalha do Mérito Industrial. Ele foi indicado pela Federação das Indústrias do Maranhão (Fiema) e passa a ser o quarto empreendedor do estado a ostentar a honraria.

Benedito Mendes, em seu discurso, disse que só foi compreender melhor a importância da distinção após a escolha, e por se tratar e algo tão grandioso diz que não cabe somente a ele a homenagem, mas todo o setor produtivo maranhense, já que o empresário não cresce isoladamente, e sim amparado por uma série de fatores e ações das demais pessoas de negócios, sejam fornecedores, prestadores de serviços, compradores ou mesmo concorrentes.

Segundo o presidente da Fiema, Edilson Baldez das Neves, autor da sugestão junto à CNI, Benedito Mendes é digno do reconhecimento dos maranhenses pelo muito que faz em prol do desenvolvimento do estado, nos diversos ramos de atividade em que atua.

Antes dele, foram homenageados no Maranhão, com a mesma distinção, os empresários Nazareno Andrade (Elétrica Visão), Francisco Carlos de Oliveira (FC Oliveira) e Parmênio Carvalho (Canopus Engenharia).

Sob o olhar de Edilson Baldez, Benedito recebe medalha das mãos de Amaro Sales, da CNI (Class Mídia)

Homenageado – Empreendedor reconhecido pelos negócios em transporte, beneficiamento de arroz, indústria cerâmica e outros, Benedito Mendes é também uma expressiva liderança na política empresarial, seja no seu município, Itapecuru-Mirim, ou nas demais regiões do estado.

Ele é vice-presidente da Fiema, onde é também presidente do Conselho Temático de Meio Ambiente. Foi presidente do Sindicato das Indústrias de Cerâmica do Maranhão (Sindicerma), preside a Associação Comercial e Industrial de Itapecuru-Mirim, é diretor do Sindicato das Indústrias do Arroz (Sindarroz) e da Associação Nacional da Indústria de Cerâmica Vermelha (ANICER), bem como membro do Conselho Estadual de Recursos Hídricos do Maranhão.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui