Fluminense cede empate ao Atlético Mineiro e continua ameaçado de entrar na zona de rebaixamento

0
215

Tricolor se manteve na mesma posição na tabela de classificação 

Nesta segunda-feira (23), Fluminense e Atlético Mineiro as equipes se enfrentaram em São Januário, no Rio de Janeiro (RJ), e empataram em 1 a 1. No outro jogo da noite, no Independência, em Belo Horizonte (MG), o Brafantino visitou o América Mineiro e venceu por 2 a 0, com gols de Ytalo e Gabriel Novaes.

Com o empate,  o Atlético segue isolado na liderança da competição, e agora está com 38 pontos, enquanto o tricolor carioca, com 18, ocupa o 16º lugar. Já o resultado de Bragança Paulista (SP) deixa o Bragantino na quarta posição da tabela de classificação da Série A, com 31 pontos,  e o América, com 15, desceu para a vice-lanterna.

Jogando fora de casa, o Atlético Mineiro começou o jogo controlando as ações diante do Fluminense e quase abriu o placar aos 12 minutos, quando Eduardo Vargas finalizou na trave. Apertando a marcação, o Tricolor Carioca aposto em contra-ataques e teve a primeira boa chegada no chute de fora da área de Martinelli, que exigiu boa defesa de Everson. No lance seguinte, Hulk cometeu pênalti em Luccas Claro dentro da área e, na cobrança, Fred deslocou o goleiro para deixar o Flu na frente: 1 a 0. O Galo até seguiu insistindo no ataque, mas não conseguiu furar o bloqueio dos mandantes.

Na volta do intervalo, o Atlético partiu em busca do ataque e se lançou mais ao ataque. Em falta perigosa aos 12 minutos, Hulk mandou a bola muito perto da meta defendida por Marcos Felipe. O camisa 7 ainda chegou bem em mais duas oportunidades: em uma acertou a trave, e na outra exigiu boa defesa do goleiro carioca. A pressão mineira seguiu ao longo da partida até que, aos 38 minutos, Nathan lançou Eduardo Sasha na área, que chutou para empatar o jogo: 1 a 1.

Pela 17ª rodada do Brasileirão, América-MG e Red Bull Bragantino mediram forças no Independência (Créditos: Alessandra Torres/AGIF)

Bragantino – A partida em Belo Horizonte teve um primeiro tempo sem muitas emoções. O América até teve mais volume de jogo e chegou mais vezes ao ataque, mas com finalizações fracas. O Red Bull Bragantino, sem criar muito, criou as principais chances já nos minutos finais. Aos 39, Cuello cruzou a bola na área, e Artur cabeceou muito perto do gol. Na jogada seguinte, Ytalo tabelou com Artur, que avançou na entrada da área e devolveu para o camisa 15 chutar colocado e abrir o placar para o Massa Bruta: 1 a 0.

O América voltou mais ofensivo para o segundo tempo e teve boas chances de empatar. Em uma delas, Rodolfo recebeu cruzamento na área e finalizou para grande defesa de Cleiton. Segurando as investidas dos donos da casa, o Massa Bruta foi administrando a vantagem e ainda ampliou o placar já aos 42 minutos. Após cruzamento de Aderlan pela direita, a bola pingou na área e subiu até a cabeça de Gabriel Novaes, que concluiu para o gol: 2 a 0.

(Com informações da CBF)

Compartilhe
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação