Fiema busca garantir participação de MPEs nas compras da Emap

0
725

Representantes do Conselho Temático de Micro e Pequenas Empresas (Compem) da Federação das Indústrias do Maranhão (Fiema), estiveram reunidos na última terça-feira (21) com a diretoria da Empresa Maranhense de Administração Portuária (Emap) para definir como as micro e pequenas empresas podem participar dos processos de compras da empresa pública.

O encontro serviu para conhecer as formas de contratação da EMAP, as demandas para os próximos investimentos que serão realizados no Porto do Itaqui, além de apresentar serviços que podem ser realizados pelo Programa de Desenvolvimento de Fornecedores do Maranhão (PDF), gerido pela Fiema e mantido pelo Consórcio Alumar, Cemar, Eneva, Solar e Vale, tais como, Encontros de Negócios, capacitações, diagnósticos empresariais, entre outros.

Na reunião, Danielle Nunes, diretora de Administração e Finanças da Emap, explicou que a empresa pública obedece a legislação vigente e a contratação é realizada por meio de licitação e adesão de ata. Luciana Kuzolitz, gerente de Planejamento e Negócios da estatal, apresentou os investimentos que serão feitos nos próximos anos no Porto.

Celso Gonçalo de Souza, presidente do Compem, destacou que as micro e pequenas empresas do Maranhão podem atender com qualidade algumas demandas do porto. “Temos empresas que atuam em diversos setores com fornecimento de produtos e serviços, como gráficas, malharias com produção de fardas e outros”, afirmou.

Na oportunidade, foi apresentado aos participantes da reunião, o PDF, que poderá realizar várias ações estratégicas junto aos fornecedores locais, entre elas, divulgar os editais de licitação no portal do Programa e, dessa forma, aumentar a participação das empresas maranhenses nos processos de compras. “Estamos abertos para realizar ações para aumentar a participação dos fornecedores locais nos processos de compra com vistas à competitividade local, e ainda, fazer capacitação dos fornecedores”, disse a consultora do PDF, Jurema Franco.

Caroline Santos Maranhão, presidente de Licitação da Emap, sinalizou que vai precisar dos serviços do PDF e vai agendar uma nova reunião para tratar do assunto.

Compartilhe
Aquiles Emir
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação