Flamengo goleia o Paraná e assume a vice-liderança da Série A do Brasileirão

0
402

Pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Flamengo visitou o Paraná neste domingo (21), no Durival Britto, e venceu por 4 a 0. Com o triunfo, o Rubro-Negro assumiu o segundo lugar da tabela e agora torce contra o rival Internacional, que ainda joga na rodada.

Agora com 58 pontos, o Flamengo é o vice-líder da Série A e está dois pontos à frente do Inter, que enfrenta o Santos nesta segunda-feira (22), no Beira-Rio. O Paraná, com 17, segue na última posição da competição.

Dominando as ações da partida em Curitiba, o Flamengo quase abriu o placar aos 11 minutos, quando Uribe cabeceou com perigo e viu Richard fazer ótima defesa. Mas, aos 17, o Rubro-Negro saiu na frente. Deivid errou na saída de bola, Uribe aproveitou e tocou para Lucas Paquetá, que invadiu a área e fez 1 a 0. Com dificuldades na saída de bola, o Paraná não ofereceu perigo ao time visitante.

Logo aos seis minutos do segundo tempo, o Fla ampliou. Willian Arão cruzou na área, e Vitinho aproveitou o rebote da zaga para fazer 2 a 0. Sem demorar muito, aos 11, após contra-ataque, Vitinho deu ótimo passe para Uribe fazer o terceiro do time rubro-negro. Depois, aos 45, Diego tabelou com Uribe, invadiu a área e viu o goleiro Richard ficar com a bola, mas Henrique Dourado aproveitou e deu números finais à partida: 4 a 0.

Cruzeiro derrotou o América-MG por 3 a 0

Cruzeiro – Ainda em clima de comemoração pelo hexacampeonato da Copa do Brasil, o Cruzeiro recebeu a Chapecoense neste domingo (21), no Independência, em Belo Horizonte (MG). Embalado pelo título conquistado na última quarta-feira, a Raposa fez a festa da torcida ao vencer o time catarinense por 3 a 0.

Com o resultado, o time mineiro chegou a 40 pontos no Brasileirão e segue em décimo lugar. A Chape, com 31, perdeu a chance de deixar a zona de rebaixamento e permanece na 18ª posição.

O Cruzeiro tomou conta da partida em Belo Horizonte e fez os três gols da vitória nos 45 minutos iniciais. O primeiro saiu aos 21, após Robinho tocar para Ariel, que mandou de letra para Thiago Neves. O meia avançou, ajeitou o corpo e soltou uma bomba no ângulo de Jandrei: golaço. Depois, aos 29, Barcos recebeu na área e bateu cruzado. O goleiro da Chape defendeu, mas, no rebote, Arrascaeta completou de cabeça: 2 a 0. O time catarinense quase descontou aos 40, quando Leandro Pereira cabeceou no contrapé de Fábio, que se esticou todo para salvar a Raposa. Logo na sequência, aos 43, Arrascaeta cobrou escanteio na medida para Dedé ampliar para o time da casa: 3 a 0.

(Com dados da CBF)

Compartilhe
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação