Flamengo vence clássico com o Corinthians e dispara na liderança da Série A

0
433

A nona rodada do Campeonato Brasileiro seguiu agitada neste domingo (03), com cinco jogos disputados, movimentando as posições na tabela de classificação. O líder Flamengo venceu o Corinthians por 1 a 0, no Maracanã, e disparou no topo. Na vice-liderança agora aparece o Cruzeiro, com 16 pontos somados após vencer o Ceará.

Além de Flamengo e Cruzeiro, venceram seus confrontos,  o Grêmio, que visitou Salvador (BA) e na Fonte Nova venceu o Bahia por 2 a 0; o América de Minas, venceu o Atlético do Paraná por 3 a 1;  e o Santos, que goleou o Vitória por 5 a 2 e empurrou o adversário para o Z-4 com a goleada por 5 a 2, na Vila Belmiro.

 

Flamengo – Diante de quase 50 mil pessoas no Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ), o Flamengo derrotou o Corinthians por 1 a 0 em um jogo muito equilibrado. No primeiro tempo, os times se estudaram bastante e não capricharam no último passe nas finalizações. Na volta do intervalo, o Flamengo passou a ser mais ofensivo e conseguiu balançar as redes aos 34 minutos. Diego abriu a jogada para Lucas Paquetá, que bateu de primeira e obrigou Walter a fazer boa defesa. Mas, no rebote, a bola sobrou para Felipe Vizeu marcar o gol da vitória rubro-negra.

 

Fora de casa, o Grêmio bateu o Bahia por 2 a 0 e garantiu três pontos importantíssimos na rodada. O resultado na Fonte Nova fez o Tricolor Gaúcho assumir a vice-liderança da competição, com 16 pontos. Já a equipe baiana, com oito, desceu para o 18º lugar. O primeiro gol da partida foi marcado aos nove minutos da etapa inicial. Após Lucas Fonseca derrubar Ramiro na área, o árbitro assinalou o pênalti, convertido pelo volante Maicon. Depois, aos 47 do segundo tempo, Everton arrancou pela esquerda, tocou para o meio e viu Pepê perder a bola. O goleiro Douglas tentou afastar o perigo com um tapa, mas Thaciano entrou no lance e ampliou para o Grêmio.

 

América – No Independência, em Belo Horizonte (MG), o América garantiu três pontos para afastar de vez o perigo da degola. O time da casa levou a melhor, com a vitória por 3 a 1, de virada, contra o Atlético do Paraná, que abriu o placar aos 37 minutos, com uma pancada de Carleto. Dois minutos depois, o Coelho deixou tudo igual com Serginho, de letra. Os times seguiram em busca do triunfo no segundo tempo, e o América conseguiu ampliar aos 30. Pela esquerda, Aylon cruzou na área para Serginho cabecear por baixo das pernas do goleiro Felipe Alves. Já no final da partida, aos 43, Ademir recebeu de Cristian para fechar a conta mineira: 3 a 1.

Com o resultado, o Coelho subiu para a 11ª posição, com 13 pontos – cinco a mais que o primeiro time dentro do Z-4. O Atlético-PR, com nove, desceu para o 16º lugar e ligou o sinal de alerta – está a apenas um ponto da zona de perigo.

 

Santos – Vindo de três derrotas consecutivas, o Santos recebeu o Vitória, na Vila Belmiro, em Santos (SP) pressionado para vencer e deixar a zona de rebaixamento. O objetivo foi alcançado com uma goleada por 5 a 2, com quatro gols anotados somente na etapa inicial. Aos 22 minutos, Victor Ferraz cruzou da direita, Dodô cabeceou, e Elias defendeu. No rebote, Rodrygo não desperdiçou. Três minutos depois, o atacante também fez o segundo, após receber na grande área e tocar na saída do goleiro baiano. Inspirado, Rodrygo marcou o terceiro aos 30. Gabriel fez boa jogada individual e deu assistência na medida para o atacante ampliar. Aos 44, Diego Pituca cruzou na medida para Renato também anotar o dele: 4 a 0. O Peixe voltou para o intervalo administrando a boa vantagem, enquanto o Vitória tentava diminuir o placar. Aos 17, Neilton tabelou com André Lima e conseguiu descontar para o Leão. Depois, aos 28, Rodrygo deu ótima assistência para Gabriel marcar o quinto para o Peixe: 5 a 1. A partida seguiu agitada, com o Leão marcando mais um aos 38, com Ramon. Com o resultado, o Santos deixou o Z-4 e agora aparece no 15º lugar, com nove pontos. Já o time baiano, com oito, acabou descendo para a 17ª posição.

Cruzeiro – De olho nas primeiras posições do Campeonato Brasileiro, o Cruzeiro visitou o Ceará neste domingo (3) e conquistou um importante triunfo. No Castelão, a Raposa venceu por 1 a 0 e subiu para o segundo lugar da competição, com 16 pontos. Para terminar a nona rodada na vice-liderança, o time mineiro vai torcer para que o Fluminense, com 14 pontos, não vença o Paraná nesta segunda-feira (4), a partir das 20h, no Durival Britto. Aos 17, Bruno Silva recebeu de Rafael Sobis na grande área e cruzou. Sassá recebeu e entrou com bola e tudo para o fundo do gol: 1 a 0. A Raposa seguiu dominando as ações, sem dar muito espaço para o time cearense.

O resultado colocou os times em situações bem distintas na tabela da Série A. Enquanto o Cruzeiro assumiu a vice-liderança, o Ceará desceu para a lanterna, com três pontos. O Vozão segue sem vencer na competição.

Compartilhe
Aquiles Emir
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação